16 de nov de 2009

Bulgária dá adeus a corridas

A Bulgária desistiu de sediar corridas. De acordo com o presidente da Federação Búlgara de Motociclismo, Bogdan Nikolov, os planos do país de construir um autódromo de primeira classe para organizar provas de F1 e Motovelocidade de nível internacional foram encerrados devido à falta de apoio governamental, que não se comprometeu a financiar as obras. "No final desta que foi, talvez, a nossa temporada de maior sucesso, precisamos suspender nossas atividades. Nós não podemos nos sustentar apenas com os empréstimos pessoais que eu mesmo tenho feito. Preciso pagar os débitos e empréstimos dos bancos, e cheguei até mesmo a vender algumas propriedades pessoais para manter as operações. Não recebemos nenhuma assistência da Agência para a Juventude e Esportes e nem do Ministério dos Esportes, e não há sinal de que vamos receber algo no futuro", desabafou o dirigente ao jornal "Sofia Echo".
Redação Sport Marketing