7 de jul de 2009

Circuito de Fuji sai da cena da F1

O Fuji International Speedway, filial da fabricante de automóveis Toyota, vai abandonar a F1. O autódromo não irá hospedar o GP do Japão de 2010. O motivo seria a crise econômica mundial, uma vez que a corrida tem custo estimado entre 2 bilhões e 3 bilhões de ienes (12/18 milhões de libras). "Peço desculpas por ser incapaz de viver de acordo com as expectativas", disse Hiroaki Kato, presidente da Fuji International Speedway. A Toyota foi obrigada a abandonar vários projetos para economizar fundos.

Redação Sport Marketing