18 de jun de 2009

Lei anti-tabaco preocupa futebol colombiano

O Congresso da Colômbia aprovou uma lei que proíbe empresas tabagistas de patrocinarem eventos esportivos e culturais. A lei ainda precisa ser sancionada pelo presidente Álvaro Uribe, mas já causa preocupações ao presidente da Divisão Maior do Futebol Colombiano (Dimayor), Ramón Jesurum, cujos campeonatos das primeira e segunda divisões, organizados pela Dimayor, são patrocinados pela tabacaria local Protabaco. As competições também levam o nome de duas das marcas de cigarros mais populares do país. "Estamos muito consternados, muito surpresos porque nos havia sido dito que os patrocínios permaneceriam por quatro anos", disse o dirigente esportivo. O patrocínio da Protabaco dura há 20 anos e representa 30% do faturamento da Dimayor, verba usada para pagar as despesas com o transporte aéreo das equipes da primeira divisão.
Redação Sport Marketing