24 de jun de 2009

FIA pisa no freio e ajusta trajetória com equipes

A FIA pisou no freio para evitar que as equipes da F1 saiam do categoria e formem um campeonato dissidente no ano que vem. De acordo com o presidente da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), Max Mosley, um acordo foi fechado com as equipes que divergiam sobre planos de introduzir limites orçamentários para a temporada 2010. "Não haverá racha. Chegamos a um acordo sobre redução de custos", disse Mosley, segundo informações da imprensa."Haverá um campeonato de F1, mas o objetivo é retornarmos aos níveis de gastos do início dos anos 1990 em dois anos." As regras do ano que vem serão as mesmas desta temporada. Os detalhes do novo acordo não foram revelados até agora.
Redação Sport Marketing