27 de mai de 2009

Mastercard revela valores que movimentarão final da Liga dos Campeões

Um estudo encomendado pela Mastercard, um dos patrocinadores oficiais da Liga dos Campeões, mostra os números que a final entre Barcelona e Manchester United irá refletir. Times, cidade sede e organização vão lucrar com o evento. A decisão está avaliada em 310 milhões de euros para a economia europeia e dará ao vencedor um benefício de 110 milhões. O relatório demonstra também que as finalistas lucram com os impatos econômicos positivos, como o aumento do valor da marca da equipe, prêmio monetário, contratos de patrocínio, direitos televisivos e vendas de ingressos. A equipe que perder, também estará no lucro. O estudo calcula que a final valerá para o perdedor 65 milhões de euros. O jogo decisivo da Liga dos Campeões será realizado no Estádio Olímpico de Roma e vai gerar uma progressão econômica maior do que o ano anterior (267 milhões). Roma também irá arrecadar mais de 45 milhões de euros por receber a final da "Champions", resultado do comércio como gastos em bares, lojas, turismo, hotéis e nas atrações da cidade, juntamente com os patrocinadores que investem no marketing local.

Redação Sport Marketing