23 de abr de 2009

Schincariol denuncia propaganda de Ronaldo no Conar

A Cervejaria Schincariol enviou uma denúncia ao Conselho de Autorregulamentação Publicitária (Conar), pedindo a suspensão do spot comercial da Brahma, em que o jogador Ronaldo aparece como protagonista. A cervejeira entrou com uma representação, apontando aspectos que julga irregulares na propaganda. O processo foi instaurado na última segunda-feira e o julgamento da denúncia pode levar entre 20 a 30 dias. De acordo com matéria publicada no portal Último Segundo, a agência África, que criou a peça, já fez ajustes no comercial no qual, agora, Ronaldo não aparece mais com o copo de cerveja na mão e também deixou de dizer que era "um brahmeiro" - expressão trocada por "um guerreiro". A Schincariol argumenta, na denúncia, que o jogador tem forte influência sobre o público infantil e que, por isso, não deveria aparecer em comercial de cerveja. Considera também que, por ser um jogador de futebol, um esporte olímpico, o jogador estaria impedido de vincular a imagem a produtos alcoólicos, já que o Conar condena esse tipo de associação e que o comercial, tem um apelo que induz o consumidor a atrelar o êxito de Ronaldo ao fato de ele ser 'um brahmeiro'. "Nas pesquisas internas de avaliação do efeito desse filme, ele foi muito bem, porque gera uma empatia com o público, que aprecia os que lutam para superar dificuldades. É essa a mensagem que queremos colar ao apelo de ser um brahmeiro" - disse o diretor de marketing da AmBev, Carlos Lisboa.

Redação Sport Marketing