22 de abr de 2009

Lola pode voltar à F1

A Lola, fábrica britânica de carros, com base em Huntingdon, estuda retornar às pistas de F1 no próximo ano. A empresa que tem história na fabricação de chassis. A marca já foi pilotada pelo brasileiro Nelson Piquet, época em que ele carregava o patrocínio da Arisco. Piquet disputou Lola Buick V6 na 76 edição das 500 Milhas de Indianápolis (foto). A decisão vem em decorrência do anúncio da FIA em reduzir custos, tornando possível que equipes sejam capazes de competir na F1 com orçamento de até £ 30 milhões. O presidente da Lola, Martin Birran, crê que agora chegou o momento adequado para considerar um retorno. "O anúncio de que as equipes podem optar por uma abordagem prudente, financeiramente responsável, nos levou a a avaliar a oportunidade de desenvolver um carro para competir no Mundial de F1" - disse. A  Lola já nomeou engenheiros e técnicos para avaliar a possibilidade de um regresso para a F1. Especula-se que a Lola seja uma das oito novas equipes que tenham entrado em conversações com a Cosworth V8 para fornecimento de motores para a temporada 2010.

Redação Sport Marketing