3 de abr de 2009

Chicago 2016 enfrenta manifestantes

A visita dos inspetores do IOC - International Olympic Committe - Comitê Olímpico Internacional (COI) a Chicago está sendo permeada por uma série de manifestações contra a candidatura da cidade aos Jogos Olímpicos de 2016. Manifestantes tomaram as ruas. A delegação de 16 inspetores do COI chegou em Chicago para a primeira vistoria entre as quatro cidades candidatas para sediar os Jogos de 2016. O principal objetivo da inspeção do COI é verificar se o projeto olímpico condiz com a realidade da cidade. Na agenda, estão reuniões com os organizadores da campanha e visitas aos locais que poderão receber as competições. Entretanto, o comitê organizador está tendo de enfrentar manifestações contrárias ao evento promovidas por um grupo intitulado "No Games Chicago". Parte da população considera a realização dos Jogos um mau uso das reservas da cidade. "Eles estão colocando uma olimpíada como prioridade para Chicago, enquanto a cidade está desmoronando ao nosso redor"- disse um membro do movimento. "Estamos sendo vendidos." Várias pessoas do grupo realizaram um comício no começo da noite de ontem em frente ao Federal Plaza e, em seguida, marcharam em passeata até o Aon Building, onde o comitê Chicago 2016 se reuniu. Os manifestantes acreditam que a realização dos Jogos será um desastre para as escolas públicas, os pobres, e os contribuintes da cidade. "O Prefeito Daley quer gastar bilhões para trazer atletas para Chicago por duas semanas, apesar das escolas públicas de Chicago não terem pistas cobertas, por exemplo" disse o professor Jim Vail. Chicago é a primeira candidata a receber a visita dos técnicos do COI, que ficarão na cidade americana até o dia 8 de abril. Em seguida eles irão para Tóquio (14 a 20 de abril), Rio de Janeiro (27 de abril a 3 de maio) e Madri (4 a 9 de maio).

Sandra White - Correspondente Sport Marketing - Estados Unidos