1 de abr de 2009

Agências publicitárias se desligam dos Jogos de Londres

O mundo da publicidade está sendo pivô de fortes controvérsias em Londres com relação aos Jogos Olímpicos de 2012. As agências descobriram que a vencedora da licitação teria que também se inscrever como patrocinadora dos Jogos, a um custo de algo em torno de £ 10 milhões. Duas conceituadas agências de publicidade já retiraram-se dos Jogos de 2012. No geral, a indústria publicitária já afirmou que os benefícios de ‘marketing' para uma agência ser associar aos Jogos Olímpicos são limitados e insuficientes para justificar este aporte financeiro. Especula-se que o provável vencedor do contrato será um grande grupo de publicidade internacional. A agência vencedora irá desenvolver a criatividade corporativa do evento e ficará responsável pelas ações de marketing para a venda de bilhetes. À frente do processo está Chris Townsend, diretor comercial dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Londres, e a diretora de marketing Amanda Jennings. O pagamento para ter o nome da agência lincado ao evento está previsto para ser "em espécie". Em abril, o LOCOG - London Organizing Committee Olympic Games - Comitê Organizador dos Jogos de Londres, divulgará ainda este mês, o nome da empresa escolhida.

Leandro Rabello - Correspondente Sport Marketing - Londres