26 de mar de 2009

Tata Group estuda proposta do Manchester United

O grupo indiano Tata Group poderá ser mais um patrocinador do Manchester United. O clube inglês, cujo contrato de patrocínio com a AIG expira em 201o, enviou uma proposta ao grupo, uma vez que a AIG passa por sérios problemas financeiros e já declarou que não renovará o acordo. O Tata Group, empresa de informática, também patrocina a escuderia Ferrari de F1. “Há várias opções de patrocínio, e uma delas é a do Manchester. Estamos conversando há algum tempo, mas nada foi finalizado”- disse o consultor do Tata Group à Reuters. No início do ano, as agências internacionais anunciaram que o time havia fechado o patrocínio principal com a Telecom saudita. Mas, o atual campeão inglês segue enviando propostas de patrocínio como para outras empresas como Grupo Sahara, a companhia aérea AirAsia, da Malásia, a seguradora britânica Prudential e até para a Petrobras. Com a AirAsia a proposta é que a empresa torne-se a quarta patrocinadora da camisa. "Não há dúvida de que isso seria ótimo para AirAsia" - disse Tony Fernandes, executivo da empresa, no blog pessoal. Os Red Devils já anunciaram os planos para uma turnê de pré-temporada na China, Coreia do Sul, Indonésia e Malásia. Será a terceira visita ao continente em cinco anos. O Manchester United continua a ser o líder nas receitas anuais provenientes do patrocínio nas camisolas, alargando mesmo a diferença para clubes como o Schalke04 (20,8 milhões Euros), Bayern Munique (17 milhões de Euros) e Chelsea (14,8 milhões de Euros). (ler matérias arquivo Sport Marketing: Manchester United o clube mais rico do mundo; Sport Marketing: Manchester United no Brasil pela Petrobras; Sport Marketing: Manchester United corre risco de perder patrocínio; Sport Marketing: Budweiser e Manchester United renovam a parceria; Sport Marketing: Manchester United investe em jogos móveis; Sport Marketing: Cartão de crédito oficial do Manchester United ; Sport Marketing: Sai AIG entra Saudi Telecom na camisa do ... ;Sport Marketing: Manchester e Petrobras conversam sobre patrocínio).

Redação Sport Marketing