27 de mar de 2009

RIO 2016 participa do Movimento 'Hora do Planeta'

A candidatura do Rio de Janeiro à sede dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016 participará da manifestação “Hora do Planeta”, um ato simbólico no qual governos, empresas e a população de todo o mundo são convidados a demonstrar sua preocupação com o aquecimento global e as mudanças climáticas. A Roda Rio 2016, montada no Forte de Copacabana para divulgar o projeto olímpico da cidade, será desligada no sábado, dia 28, entre 20h30 e 21h30. Com o equipamento desligado e as luzes das gôndolas apagadas, serão projetados na Roda Rio 2016 dados sobre o aquecimento global. No local, uma equipe da WWF Brasil, organizadora do evento no país, dará informações sobre o assunto para a população. A Hora do Planeta pretende contar com a participação de 1 bilhão de pessoas em todo o mundo. O Rio de Janeiro foi a primeira cidade brasileira a aderir ao projeto. “Uma das bases da candidatura Rio 2016 é a responsabilidade ambiental em todas as suas ações. Nada mais natural do que unir forças nessa campanha mundial para melhorar a qualidade de vida no planeta”- disse o Diretor de Marketing e Comunicação Rio 2016, Leonardo Gryner. O movimento Hora do Planeta começou em 2007, em Sydney, na Austrália. Em 2008, 371 cidades de 35 países participaram do movimento. Este ano, já são mais de 2.000 cidades inscritas em 81 países. A Roda Rio 2016 funciona de quinta-feira a domingo, das 14h às 22h, e tem ingressos com preços populares: R$ 8,00 (inteira) e R$ 4,00 (meia).

Redação Sport Marketing