18 de mar de 2009

Conselho das Américas apóia Rio 2016

A candidatura do Rio de Janeiro à sede dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016 recebeu na terça-feira, dia 17, o apoio dos 26 países que participaram da XI Assembléia Geral do Conselho do Esporte das Américas, realizado no Panamá. Uma moção de apoio à candidatura do Rio de Janeiro foi assinada após uma apresentação do projeto, feita pelo Secretário Executivo do Ministério do Esporte, Wadson Ribeiro, com a participação do Diretor de Relações Internacionais Rio 2016, Mário Cilenti. Wadson Ribeiro lembrou que os Jogos Olímpicos podem representar novas oportunidades para o continente e para os países em desenvolvimento. “Os Jogos Olímpicos de 2016 não serão apenas do Rio de Janeiro e do Brasil. Serão da América do Sul, e de todo o povo latino-americano. Por isso, pedimos o apoio dos nossos países irmãos. É fundamental que os países latino-americanos estejam unidos para que a América do Sul receba os Jogos Olímpicos pela primeira vez. Esta será uma conquista histórica e abrirá portas para o continente”, disse Wadson. Mário Cilenti apresentou os principais pontos do projeto Rio 2016 e falou dos benefícios que os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro podem trazer aos países latino-americanos. Um dos temas abordados foi o Centro Olímpico de Treinamento, que será construído na Barra da Tijuca e poderá receber 22 esportes. “O Centro Olímpico de Treinamento tem como objetivo desenvolver o esporte de alto rendimento no Brasil e na América Latina. É um projeto que fortalece o esporte latino-americano e ajudará os países da região a conquistar mais medalhas olímpicas”, explicou Mário Cilenti. O Gerente de Relações Internacionais Rio 2016, Andrés Cárdenas, e o Assessor Internacional do Ministério do Esporte, José Leite, também participaram do evento. O Conselho do Esporte das Américas reúne representantes das organizações governamentais esportivas das Américas para discutir temas relacionados ao desenvolvimento do esporte. As cidades candidatas à sede dos Jogos Pan-americanos de 2015 (Lima, Bogotá e Toronto) apresentaram projetos.

Redação Sport Marketing