5 de fev de 2009

Michael Phelps pode perder patrocínio

A Kellogg, patrocinadora do nadador Michael Phelps pode não renovar o contrato com o atleta olímpico. De acordo com a agência AdAge.com, o contrato entre a marca de cereais e Phelps expira no final do mês e de acordo com um porta-voz da empresa, não será renovado. O motivo que levou o contrato de endosso virar fumaça foi o escândalo envolvendo o atleta com consumo de maconha (ler matéria arquivo Sport Marketing: Até tu Phelps?). "A maioria de comportamento recente do Michael não é consistente com a imagem de Kellogg. Seu contrato expira no fim de fevereiro e nós tomamos uma decisão não estender seu contrato" - declarou o porta-voz. A Federação Norte-Americana de Natação (USA Swimming) anunciou que Phelps foi suspenso por três meses de todas as competições da categoria. "Está não é uma situação que se tenha violado as regras antidoping", afirma a entidade."Mas decidimos pela punição para dar uma mensagem clara para Phelps de que ele decepcionou muitas pessoas, principalmente às centenas de crianças que se filiaram à Federação e que tinham o nadador como um modelo a se seguido." Michael Phelps aceitou voluntariamente a punição e disse que fará todo o possível para recuperar a confiança dos torcedores.

Redação Sport Marketing