6 de jan de 2009

Golden Cross assume que corte em patrocínio foi decisão do marketing

A Golden Cross desmentiu que a crise econômica mundial seria o motivo do cancelamento do patrocínio ao atleta Diego Hypólito conforme matéria publicada no jornal carioca O Globo. Por meio de nota oficial, explicou que a decisão veio do departamento de marketing. "A não renovação do patrocínio com o atleta Diego Hypólito e com o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) foram decisões da área de marketing e não dos acionistas da Golden Cross. A medida foi tomada por mudanças na estratégia de marketing e não em função da crise internacional" - afirmou a nota. No fim de 2008, o atleta informou a imprensa de que o patrocínio com a empresa não seria renovado para 2009. A parceria, que havia sido oficializada em 2007, é a segunda que Diego perdeu, pois a Redecard também parou de investir no ginasta e, ao que tudo indica, o atleta deixará também de receber salários do Flamengo, uma vez que o clube onde treina pretende cortar investimentos nos esportes olímpicos. Caso o Flamengo acabe com a ginástica olímpica, Diego ficará apenas com o patrocínio da Caixa Econômica Federal. Já o COB segue conversações com a Medial Saúde, entre outras, para substituir a Golden Cross.

Redação Sport Marketing