17 de dez. de 2008

FIFA vende cotas para Copa

A FIFA faturou 2,6 bilhões de euros (R$ 8,4 bilhões) com a venda de patrocínios para a Copa do Mundo de 2010 na África do Sul. A informação é do delegado geral da FIFA, Jerome Valcke. A entidade organizadora do futebol mundial registrou aumento de 30% em relação à Copa da Alemanha, em 2006. Coca-Cola, McDonald's e Visa estão entre os anunciantes que compraram as cotas que incluem patrocínios, direitos televisivos e móveis. O site Futebol Finance destaca que a venda dos direitos de transmissão televisiva se manteve como a principal fonte de receitas comerciais do evento. A previsão para a Copa de 2014, a ser realizada no Brasil, é ainda mais otimista: geração de 2,9 bilhões de euros (R$ 9,1 bilhões) em direitos comerciais.

Redação Sport Marketing

"L'Équipe" elege Usain Bolt atleta do ano

O velocista jamaicano Usain Bolt foi eleito hoje o atleta do ano pelo diário "L'Équipe", ficando à frente de nomes como o nadador americano Michael Phelps e o tenista espanhol Rafael Nadal.Bolt, que conquistou três medalhas de ouro e bateu três recordes mundiais nos Jogos Olímpicos, recebeu 832 pontos do "L'Équipe", contra 694 para Phelps, que conquistou oito ouros em Beijing. A terceira posição na eleição ficou com Nadal, que recebeu 413 pontos, enquanto o piloto italiano de MotoGP Valentino Rossi ficou em quarto, com 203.

Redação Sport Marketing