11 de dez de 2008

Sport Club do Recife apresenta uniformes da Libertadores 2009

O Sport Club do Recife clube apresenta nesta sexta-feira, dia 12, a camisa que será utilizada na Copa Libertadores da América 2009. Com design da grife italiana Lotto, o uniforme do Leão passou por um verdadeiro “banho de ouro”. O preto e vermelho dão lugar a dois tons de dourado, com as listras na posição horizontal em tonalidade mais amena. Destaque para a cor preta do número do atleta e o contorno em vermelho nas mangas, que preservam as tradições do rubro-negro. Confeccionada 100% em poliéster, o tecido na parte inferior das mangas possui tecnologia que retém o suor e proporciona mais conforto ao atleta. “Sem dúvida, 2009 será um ano de muitas realizações para o Sport. Desde o final da Copa do Brasil já começamos a planejar a Libertadores. A parceria com a Lotto possibilitou o lançamento deste uniforme, que traz uma proposta inovadora em termos de design e que certamente será um sucesso entre os torcedores do Leão” - explicou o vice-presidente de Marketing do Sport, Carlos Frederico de Melo. “Para nós, é uma satisfação estar ao lado do Sport nesta trajetória de conquistas. O Sport foi o primeiro clube a estampar a marca Lotto no Brasil, e desde então já conquistou os títulos de campeão pernambucano e da Copa do Brasil. O mais importante é que os valores e as metas do clube são semelhantes àquelas praticadas pela Lotto. Isso é fundamental para o sucesso desta parceria” - disse o diretor de Operações da Lotto no Brasil, João Augusto Simone.

Redação Sport Marketing

Livro de Phelps chega às livrarias

Ele ganhou oito medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos de Beijing. Foi eleito atleta do ano pela revista Sport Illustrated. Torna-se a cada dia um fenômeno de marketing e agora, Michael Phelps lança o novo livro, "No Limits: The Will to Succeed" (Sem limites: a vontade de vencer). A publicação tem 200 páginas. As págians contam entre os detalhes, a preocupação do maior nadador da história do esporte olímpico de ter a garrafinha de água envenenada durante os Jogos. O livro também conta detalhes das conquistas em Beijing e lembra como ele conseguiu superar a síndrome do déficit de atenção, quando era criança. Este não é o primeiro livro do fenômeno das piscinas. Em 2005, o nadador lançou uma autobiografia, "Michael Phelps: Beneath the Surface." (Abaixo da superfície), que vendeu cerca de 10 mil exemplares nos Estados Unidos (ler matéria arquivo Sport Marketing: Phelps eleito atleta do ano; Sport Marketing: Phelps é a marca americana; Sport Marketing: A nova onda de Phelps; Sport Marketing: PureSport satisfeita com efeito Phelps; Sport Marketing: Phelps vira garoto propaganda Subway).

Redação Sport Marketing

Puma, Reebok e Nike disputam Cruzeiro

O Cruzeiro se prepara para anunciar o nome da empresa que será responsável pelo fornecimento de material esportivo do time na próxima temporada. De acordo com o diretor de marketing do clube, Antônio Claret, a Puma, atual fornecedora, a Reebok e Nike - estão na disputa. O nome da empresa deve ser anunciado semana que vem. "A conversa já vem durando algum tempo e a expectativa é de que na próxima semana a gente tenha uma definição sobre quem será o nosso fornecedor de material esportivo. A Puma tem a preferência, mas a Reebok veio com força e há ainda uma outra marca que pediu um tempo. Se essa terceira empresa conseguir fazer a proposta vai passar a frente das outras" - afirmou Claret, em entrevista à Rádio Itatiaia, revelando ter obtido as melhores referências possíveis de São Paulo e Internacional, que trabalham com a Reebok. Ainda de acordo com o diretor de marketing celeste, o objetivo do clube é dobrar o valor do contrato firmado com a Puma para 2008. "A expectativa é de praticamente dobrar o valor que o Cruzeiro recebe atualmente da Puma. O fato de estarmos na Libertadores novamente fortalece ainda mais o valor do Cruzeiro" - concluiu o dirigente.

Redação Sport Marketing

Footecon 2008 se estabelece com sucesso no calendário

Realizado nos dias 09 e 10, nas instalações do Rio Centro, Rio de Janeiro, o V Footecon - Fórum Internacional de Futebol e a Feira Internacional de Produtos e Serviços para a indústria do futebol cresceu em excelência e se estabelece com sucesso no calendário esportivo carioca, na proporção em que a Copa do Mundo de 2014 se aproxima, tornando-se a cada edição, um evento obrigatório na agenda dos que movimentam o cenário do esporte bretão. Organizado pela Dream Factory Sports, este ano, o evento contou com o know how da Fagga eventos/GL, empresa responsável pela administração do Rio Centro e da Arena HSBC, onde foram realizadas as competições de basquete dos Jogos Pan-americanos. Patrocinado pelo Nestle, CEG e Nike, o Fórum também destacou um crescimento da participação das empresas voltadas para o universo do futebol. Dezoito empresas fizeram parte da Feira: Bruna Painéis Eletrônicos, Desk Móveis, Desso Sport Systems, Digitalmatic, Estância Santa Filomena, Forbex, Futebol Onze, Rhodes S/A, Scoutonline, Seej-MG, Setre, Sport Grass Pisos Esportivos, Sportlink, Amazonastur, Engeta, Hotel Portobello, Nestlé e Nike. Nessa quinta edição, a programação do Fórum foi ampliada, com realização de palestras em quatro auditórios, simultaneamente. A novidade foi o Primeiro Encontro de Médicos de Clubes, que reuniu 40 médicos dos principais times das séries A e B do nosso futebol, além de sediar a Assembléia do Clube dos 13, restrita aos membros da entidade. Na área de marketing, destacaram-se as palestras de J.Hawilla, da Traffic, que mostrou o case da empresa, a explanação de Izael Sinem Júnior, da Nestlé, e José Carlos Brunoro que falou sobre a nova realidade na relação técnico com o marketing esportivo. Um dos cases mais aplaudidos nos dois dias do Fórum foi do São Paulo FC, ministrado por Julio Cesares, vice-presidente de marketing e comunicação.

Redação Sport Marketing

Vaga na Libertadores vira moeda de negociação

A classificação para a Copa Libertadores da América será a moeda de negociação do Palmeiras com os patrocinadores. O Verdão pretende negociar um valor maior nas cotas de patrocínio na camisa para 2009. A diretoria conversa com a Fiat sobre a renovação do contrato, que termina este mês, mas também ouve ofertas de outras empresas. A Agência Estado revelou que a Samsung estaria interessada em patrocinar a camisa do Palmeiras. Em 2008, o Palmeiras recebeu R$ 8,5 milhões pelo patrocínio da camisa, mais R$ 1,5 milhão de bonificação pela conquista do Campeonato Paulista. "A renovação está caminhando bem", garantiu o diretor de marketing Rogério Dezembro, sem revelar valores. Ele lembra que reajustes na cota de patrocínio fazem parte da negociação. "Ganhamos o Paulista este ano e conseguimos vaga para a Libertadores, o que dá uma boa perspectiva para 2009" - apostou o dirigente. O sonho da diretoria é fechar o patrocínio da camisa por R$ 14 milhões, apesar do cenário de crise mundial. Na renovação do contrato de material esportivo, o Palmeiras conseguiu aumentar o valor que recebia da Adidas. Os R$ 3,5 milhões se transformaram em R$ 9,2 milhões por temporada - o novo contrato com a Adidas, firmado no mês passado, é de três anos.

Redação Sport Marketing

Gatorade distribui kits em Taubaté

O triatleta Alessandro Pimentel, patricinado pela Gatorade, vai realizar a entrega de aproximadamente 40 kits esportivos aos futuros atletas da cidade. Os materiais serão entregues aos jovens do Projeto “Quadra Viva”, do Departamento de Esportes da Prefeitura. Este é o quarto ano consecutivo que a empresa de isotônicos realiza a ação. “Agradeço por esta honraria, ressaltando a ampliação do número de kits, pois em 2005, 22 crianças foram beneficiadas e neste ano serão contemplados aproximadamente 40 futuros atletas da cidade”- explicou Alessandro. “Apoiar a iniciação ao esporte, em parceira com um grande campeão como o triatleta Alessandro Pimentel é sempre muito gratificante” - disse o diretor de Marketing Esportivo da Gatorade, Luis Fernando Rodrigues. Entre os contemplados com os presentes, estarão crianças de 7 a 14 anos de diversas modalidades esportivas, como atletismo, basquete, handebol, vôlei, xadrez, tênis de mesa, ginástica olímpica e ginástica rítmica. Serão doados equipamentos como tênis, camisetas dri-fit, óculos, bonés, produtos da nova linha kids da Gatorede, além de cestas básicas.
“Sei da importância de incentivar um atleta no início de suas atividades. Conquistei minha primeira medalha em 1980 e desde então luto muito para permanecer no esporte. Me sonho é, por meio de parcerias, fazer uma fundação e ajudar ainda mais nossas crianças a conquistarem um futuro promissor, tanto no esporte, como na vida” - relatou Pimentel.

Redação Sport Marketing

Efeito Ronaldo Fenômeno agita Footecon 2008

A contratação de Ronaldo "Fenômeno" como novo reforço do Corinthians para 2009 agitou o Footecon. A Nike, que teve um stand na Feira do evento, afirmou que não teve nada a ver com a negociação. Inclusive, a fornecedora de material esportivo do clube e patrocinadora vitalícia do atacante nem sabia sobre a confecção da camisa com o número nove e nome do jogador que está sendo colocada à venda no Parque São Jorge. "A chegada do Ronaldo ao Corinthians foi feita através de um acerto entre o clube e o jogador. A Nike não teve nada a ver com isso" - assegurou o assessor da empresa, Mário Andrada, que estava no Footecon 2008, evento organizado anualmente, pela Dream Factory, no Rio de Janeiro. Os detalhes sobre a aquisição do 'Fenômeno' deverão ser divulgados durante a semana. Questionado sobre a ação de marketing do time paulista, Zico, que esteve no último dia do evento idealizado por Carlos Alberto Parreira, se esquivou de falar muito sobre a ação de marketing do Corínthians e a 'pisada de bola' do marketing do time da Gávea em não segurar o jogador no clube - "o que eu quero é ver o Ronaldo feliz, sou fã dele. O Ronaldo tem uma história valorosa no futebol do Brasil e do mundo. Ele já treinou no CFZ (Centro de Futebol Zico) várias vezes, à noite, e nem, por isso, eu usei do fato para fazer mídia, para chamar mídia. Não pode se fazer uma ligação dele com o Flamengo só pelo fato dele ter usado as instalações do clube para se recuperar. Criou-se uma expectativa, mas isso não quer dizer que havia um compromisso dele com o time" - disse o ídolo do Flamengo ao Sport Marketing. O vice-presidente de marketing e comunicação do São Paulo, Julio Cesares, outro palestrante do Footecon, preferiu não se aprofundar na questão - "não tenho acesso ao contrato, então não tenho idéia das cláusulas que envoçlvem a ida de Ronaldo para o Corinthians. Uma coisa é fato, ele é um ídolo mundial, um grande nome do futebol e, certamente, isso ajudará o marketing em várias ações, como venda de camisas. Para analisar melhor seria necessário saber as bases desse acordo, se ele receberá ou não royalties na venda dos produtos licenciados etc" - disse Julio ao Sport Marketing. Especialistas garantem que a transferência de Ronaldo pode render ao clube frutos de valor inestimável. Segundo Amir Somoggi, da Casual Auditores Independentes, o aumento de receita com produtos licenciados e de bilheteria pode chegar a 20%, o que comprova as declarações do presidente Andrés Sanches de que estava contratando uma empresa, não apenas um jogador de futebol. A loja oficial do Timão, no Parque São Jorge, já faturou em uma única tarde R$ 13.500, incluindo a venda de 80 camisas com o número 9 e o nome de Ronaldo. A venda de produtos licenciados é composta de 70 a 80% do valor por venda de camisas. Se o clube souber explorar, certamente ganhará muito dinheiro.

Redação Sport Marketing

FIFA determina tempo mínimo de contratos

A FIFA anunciou que irá criar uma nova regra mundial, determinando um tempo mínimo de contrato entre jogadores e clubes. A iniciativa faz parte de uma colaboração da FIFA com a FIFPro, a Federação Internacional dos Jogadores Profissionais de Futebol. A entidade deixou claro que espera que os 208 países-membros respeitem a nova regra assim que ela for implementada. Ainda não foi divulgado qual será esse tempo mínimo de contrato.

Redação Sport Marketing

Caxias sela parceria com Joma

O Caxias selou parceria com a Joma Brasil Artigos Esportivos. A emprea passa a ser a fornecedora oficial de uniformes de passeio e jogo do time para a temporada 2009. Os uniformes novos já foram apresentados a torcedores grenás, sócios e imprensa. O desfile reuniu mais de 150 pessoas e contou com a presença do presidente do Caxias, Osvaldo Voges, e do diretor da Joma Brasil, Fábio Yoshimura. Ao salientar a importância de uma marca internacional como a Joma estar associada a um time do Rio Grande do Sul, Yoshimura afirmou que o Caxias se soma a clubes do porte de Sevilla FC, Getafe CF e Racing de Santander (Espanha), Charlton Athletics e Cardiff City (Inglaterra), SSC Venezia e Pisa Cálcio (Itália), Independiente de Medelín (Colômbia), as seleções de Honduras e Andorra, além do brasileiro Ceará. “O Caxias passa a ter um uniforme com a mais alta tecnologia disponível no mundo para roupas esportivas”- afirmou Yoshimura. O diretor destacou, ainda, que o patrocínio também tem o objetivo de posicionar a marca Joma como uma das líderes no Brasil. Além das camisas, calções, meias e agasalhos, os torcedores terão à disposição na loja do Caxias, o Espaço Grená, junto ao Posto Voges, chuteiras, bolas, e bolsas e mochilas de viagem, entre outros itens. Os uniformes vêm com o patrocínio da Joma, Grupo Voges, Grupo Fátima, Agrale e Di Trento. O presidente Osvaldo Voges afirmou que a parceria com a Joma, além de colocar o clube em sintonia com o que há de mais moderno no esporte mundial em termos de fardamento e calçados esportivos, também incrementa a divulgação do clube, uma vez que o uniforme grená estará à disposição em diversas lojas parceiras em todo o país.

Redação Sport Marketing

Eletrobrás - a luz no final do túnel do Vasco

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, anunciou que a Eletrobrás vai patrocinar o Vasco. O valor estimado do patrocínio é de R$ 14 milhões por ano. O contrato terá duração de dois anos, renováveis por mais dois. O presidente da Eletrobrás, José Antonio Muniz Lopes, explicou que R$ 11,5 milhões do patrocínio serão destinados ao futebol do Vasco, acrescentando que o valor já estava sendo negociado antes de o time carioca cair para a segunda divisão. A cota de patrocínio também favorece os esportes olímpicos do Vasco que receberão os R$ 2,5 milhões restantes do patrocínio da Eletrobrás. Segundo Muniz, ao patrocinar o Vasco, o objetivo da holding do setor elétrico é reforçar a marca e participar também de projetos de inclusão social.

Redação Sport Marketing

COI muda estratégia de venda de direitos de tv

O International Olympic Committee - Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou que adiará a negociação das transmissões dos Jogos Olímpicos de 2016. O COI alega que a crise financeira fé a causa da mudança de planos. A decisão da rede que será responsável pelos direitos de transmissão dos Jogos será feita apenas em 2009, ano em que também será eleita a cidade sede do mega evento. A candidatura é disputada por Tóquio, Rio de Janeiro, Madri e Chicago. O acordo de transmissão também incluirá os Jogos de Inverno de 2014, em Sochi, na Rússia. Com os problemas de crédito que abalam o mundo, a negociação pode ser feita depois da escolha da sede, o que alteraria os tratos, principalmente numa eventual escolha por Chicago, nos Estados Unidos. Tradicionalmente, a rede de TV que transmite o evento oficialmente é escolhida com antecedência."Não vejo as coisas acontecendo de forma rápida devido a todos os prognósticos que temos visto atualmente"- disse Richard Carrion, membro do COI. "Neste momento, o humor está negativo para a economia. As redes de televisão preferem esperar."

Redação Sport Marketing

África do Sul preocupada com desvalorização da moeda

A desvalorização da moeda,o rand, está afetando o desenvolvimento do projeto da África do Sul para sediar a Copa do Mundo de 2010. O Comitê Organizador afirma que terminará as construções dos 10 estádios a tempo, embora o custo agora seja mais alto do que o previsto na época da candidatura."Todos os estádios estarão completos, não há dúvidas sobre isso" - disse Danny Jordaan, diretor executivo do comitê local de organização, em uma entrevista coletiva. "Alguns dos materiais (de construção) serão comprados fora do país. Com o enfraquecimento do rand, haverá um aumento dos custos" - disse, notando que o preço do petróleo adicionava outro elemento imprevisível para o processo. No último ano, a moeda local perdeu 30% do valor em relação ao dólar norte-americano, e 24% em relação ao euro. Na zona do euro estão os principais parceiros comerciais da África do Sul. Os organizadores locais estão preocupados com a manutenção do orçamento de estádios para que ela não saia do controle, além de buscarem fundos para completar o total requerido, para o qual o governo sul-africano já prometeu 1,4 bilhões de rands (ler matéria arquivo Sport Marketing: Governo da África injeta dinheiro para concluir obras; Sport Marketing: Estádios da África do Sul sofrem com crise financeira; Sport Marketing: África do Sul teme crise mundial financeira; Sport Marketing: África do Sul divulga gastos para Copa 2010). A África do Sul espera 480.000 visitantes para a Copa do Mundo, que começa no dia 11 de junho de 2010, e espera que o torneio de um mês irá turbinar o turismo e os investimentos na economia mais rica da África (ler matérias arquivo Sport Marketing: Inflação, falta de energia, altos custos ...; Sport Marketing: Copa do Mundo da África gera US$3.2 bilhões; Sport Marketing: FIFA fecha contratos de transmissão da Copa; Sport Marketing: África do Sul abre os cofres para a Copa 2010; Sport Marketing: Puma segue marcando território na África; Sport Marketing: Copa da África do Sul tem mais um patrocinador; Sport Marketing: África do Sul está confiante na Copa do Mundo ...;Sport Marketing: Pesquisa aponta otimismo na África do Sul para a Copa; Sport Marketing: Programas de hospitalidade África do Sul 2010; Sport Marketing: Blatter visita África do Sul; Sport Marketing: FIFA libera estádios na África do Sul;Sport Marketing: Mascote Copa 2010;Sport Marketing: Divulgadas empresas de venda dos pacotes da Copa;Sport Marketing: África do Sul com energia em 2010; Sport Marketing: Bolt e Puma levam crianças chinesas à Copa de 2010;Sport Marketing: Etiópia fora da Copa de 2010;Sport Marketing: Adidas lança bola da Copa das Confederações;Sport Marketing: Port Elizabeth não ficará pronto; Sport Marketing: Copa de 2010 agita mercado publicitário;Sport Marketing: FIFA coloca à venda ingressos da Copa;Sport Marketing: Leopardo é mascote da Copa de 2010;Sport Marketing: Castrol renova com a FIFA até Copa de 2014 no Brasil).

Redação Sport Marketing

Sebastien Bourdais corre atrás de patrocínio

Sebastien Bourdais pretende manter a vaga na Toro Rosso em 2009. Para tal, o piloto corre atrás de patrocínio pessoal. O francês viajou esta semana para Jerez, onde enfrenta seu maior adversário pela vaga, Takuma Sato. Bourdais disse à revista alemã ‘Auto, Motor und Sport’ em Jerez: “Estou à procura, mas na atual crise financeira mundial, está difícil conseguir dinheiro, e não apenas na França.” Acredita-se que pelo menos um pouco do interesse do dono da Red Bull em Sato, o japonês de 31 anos, é a habilidade de promover a bebida energética no mercado japonês. Especula-se que o veterano de aproximadamente 100 grandes prêmios já está oferecendo patrocínio pessoal para a Toro Rosso que somaria dois dígitos de milhões de euros. “Há muitas histórias.” - explicou Bourdais. “Mas o fato é que mesmo no Japão você não encontra dinheiro na rua.”

Redação Sport Marketing

Unimed não renova com Club Sportivo Sergipe

A Unimed não renovou contrato com o Club Sportivo Sergipe, principal patrocinadora e parceira do clube. Os motivos ainda não foram apresentados pela diretoria regional da Unimed, mas é de conhecimento público que até pouco tempo atrás, um grupo liderado por alguns dirigentes da empresa, tentou lançar a idéia de criação de uma empresa para dirigir o departamento de futebol profissional do clube. Em 2009 o clube comemorará o seu centenário, buscando conquistar o Campeonato Sergipano, e também voltar a figurar com destaque no cenário nacional.

Redação Sport Marketing