23 de nov. de 2008

Obama ratifica candidatura aos Jogos

O recém-eleito presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou em Istambul apoio à candidatura de Chicago para os Jogos Olímpicos de 2016. Obama afirma em vídeo, que a vitória ajudaria a acabar com o afastamento do país de outras nações. O senador de Illinois e morador de Chicago, além de novo presidente americano, declarou que os Jogos Olímpicos reforçariam os laços dos Estados Unidos com o mundo. Obama entrou no final com a apresentação de Chicago. "Creio no Olimpismo porque compartilhamos os mesmos valores, que são amizade, excelência e respeito mútuo. Os Estados Unidos se sentirão honrado em organizar os JO e servir ao movimento olímpico", disse. "Os JO reforçariam nossa amizade através do mundo", acrescentou o novo presidente americano.

Redação Sport Marketing

FIFA coloca à venda ingressos da Copa

Já estão à venda, pela internet, os ingressos para as partidas da Copa das Confederações. O evento será disputado na África do Sul, em junho de 2009. O Brasil está no grupo B, ao lado de Itália, Estados Unidos e Egito. Os ingressos para o torneio que começa em 14 de junho no estádio Ellis Park de Johanesburgo, mesmo local da decisão, que ocorre duas semanas depois, estão
disponíveis no site www.fifa.com. A Copa das Confederações de 2009, servirá de ensaio para o próximo Mundial e terá como palcos as cidades de Rustenberg, Pretória, Bloemfontein e Johanesburgo. Na África do Sul, os ingressos também poderão ser adquiridos nas agências de um banco local. Os mais baratos custarão 70 randes (US$ 7), muito menos do que custaram as dos Mundiais do Japão e Coréia do Sul, em 2002 (cerca de US$ 50) e da Alemanha, em 2006 (quando subiu para 35 euros), segundo o comitê organizador.

Redação Sport Marketing

Francis Obikwelu vende sapatilhas e inaugura Fundação

Dois mil euros foi quanto valeram em leilão as sapatilhas com que Francis Obikwelu ganhou as provas dos 100m e 200 m com os tempos de 9,99 s e 20,01 s, respectivamente, no Campeonato Europeu de Gotemburgo, na Alemanha, em 2006. As que o levaram ao pódio em Atenas, em 2004, garantiram mil euros à Fundação Francis Obikwelu, em Albufeira. Por último as sapatilhas verdes e vermelhas que Obikwelu usou em Beijing (ainda que não lhe tenham dado grande sorte) valeram 1800 euros, num leilão apresentado por Jorge Gabriel e Iva Domingues. No final da cerimônia Francis Obikwelu era um homem satisfeito por ter conseguido pôr em prática o projeto da Fundação que demorou cerca de um ano. "É um dia histórico para mim. Decidi criar a Fundação porque eu tive uma vida difícil como criança e assim as crianças que não tenham dinheiro podem fazer desporto, posso ajudar para que continuem a fazer desporto"- garantiu Francis Obikwelu, que celebrou 30 anos, data que fez coincidir com o lançamento da Fundação Francis Obikwelu, em Albufeira. Obikwelu quer agora encontrar jovens com talento, a toda a velocidade. A Fundação funcionará no Complexo das Piscinas Municipais de Albufeira e será apoiada pela prefeitura local. A instituição procurará ajudar jovens talentos para que se lancem na prática do atletismo e para isso "correrá" em três frentes distintas, uma Bolsa de Talentos (que apoiará a prática do esporte em crianças carenciadas com potencial), uma Academia de Talentos (que levará a prática do a todas as escolas de Albufeira) e de um prêmio "Talentos Escondidos", que garantirá uma verba de 10 mil euros aos três melhores talentos nacionais.

Redação Sport Marketing

Champs de olho no Corínthians

A próxima meta da marca de materiais esportivos Champs é o Corinthians. De acordo com o site FuteNet, as negociações estão avançadas e o Timão poderá estampar a marca em 2010. O contrato do time paulista com a Nike vence no fim do próximo ano. O Corinthians recebe por ano cerca de R$ 5 milhões da Nike. Segundo o presidente da Champs, Jeferson Virgilio Leandrini, 50 anos, a empresa vai fechar o ano com a conta de 22 clubes para 2009. "O Vasco acolheu a minha marca e vamos formar uma grande parceria" – disse Mariceli Leandrini, a outra fundadora da Champs. Recentemente, a Champs fechou contrato com o Vasco, porém, a empresa também patrocina Avaí (SC), Bragantino (SP), Guarani (SP), Santa Cruz (PE), Remo (PA), São José (SP), Paulínea (SP), Taubaté (SP), Operário (MT), Volta Redonda (RJ), Brasiliense e o Ibiza, da segunda divisão da Espanha. Devem se juntar à lista nos próximos dias mais três clubes. Os nomes mais especulados são os de Vitória, Náutico e Ponte Preta. (ler matérias arquivo Sport Marketing: Vasco rompe com Reebok e segue com Champs; Sport Marketing: Champs faz proposta tentadora ao Vasco ; Sport Marketing: Cruzeiro pode ter novo fornecedor a partir de 2009; Sport Marketing: Adidas, Champs e Olympikus de olho no Corínthians; Sport Marketing: Santa Cruz faz a finta e troca de fornecedor ...; Sport Marketing: Corinthians a menina dos olhos da Nike? ; Sport Marketing: Nike ronda Grêmio).

Redação Sport Marketing

Liu Xiang vai para os Estados Unidos

O atleta chinês Liu Xiang, antigo recordista mundial dos 110 metros barreiras, viaja em dezembro para os Estados Unidos. O atleta se sujeitará a uma operação ao tendão de Aquiles do pé esquerdo. Liu Xiang, um dos mais conceituados atletas chineses, atravessa um ano particularmente difícil, depois de ter visto o cubano Dayron Robles superar o recorde mundial dele nos 110 metros barreiras e de ter desistido nos Jogos Beijing 2008. Nos Jogos Olímpicos, posicionado nos blocos de partida, Liu Xiang abandonou quando foi dado o tiro de partida no "Ninho de Pássaro" e deixou um estádio e um país inteiro a lamentar a desistência. Xiang procurava então revalidar o título olímpico conquistado em Atenas2004, que o tornou um autêntico herói para os chineses, mas acabou por abandonar os blocos agarrado à perna esquerda. O atleta viajou em outubro para os Estados Unidos, acompanhado pelo treinador, com o objetivo de se aconselhar com especialistas quanto à possibilidade de recuperação com recurso a métodos menos invasivos. "Desejo submeter-me a um método mais eficaz e que me permita a cura total, o mais rápido possível"- disse então o atleta. De acordo com o jornal China Daily, Liu Xiang prepara-se agora para ser operado, tendo o porta-voz do Centro de Atletismo da China já afirmado que a decisão de recurso à cirurgia está tomada e o objetivo é a recuperação rápida do atleta. (ler matérias arquivo Sport Marketing: O futuro de Liu Xiang ; Sport Marketing: Nike fica na pista com Liu Xiang; Sport Marketing: Nike e Coca-Cola seguem com Liu Xiang ; Sport Marketing: Liu Xiang e Fabiana Murer choram no 'Ninho de ...; Sport Marketing: Liu Xiang tem pernas de 14 milhões de dólares; Sport Marketing: Nike apresenta uniforme de astro chinês do atletismo; Sport Marketing: Estrela do atletismo chinês diz não ao ...; Sport Marketing: Nike x Adidas se preparam para números e pódios ...).

Redação Sport Marketing

Usain Bolt e Yelena Isinbayeva atletas do ano

O jamaicano Usain Bolt e a russa Yelena Isinbayeva, duas das grandes figuras dos Jogos Olímpicos Beijing 2008, foram eleitos atletas do ano pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF). Bolt, o homem mais rápido do mundo, ganhou ouro nos 100 (9,69 segundos), 200 (19,30) e 4x100 metros (37,10) com recordes mundiais nas três distâncias e foi condecorado pela primeira vez pela entidade como atleta do ano (ler matérias arquivo Sport Marketing: Usain Bolt, o puma mais rápido do mundo; Sport Marketing: Bolt e Puma levam crianças chinesas à Copa de 2010; Sport Marketing: Usain Bolt e Veronica Campbell-Brown embaixadores ...; Sport Marketing: 2 - o número da sorte de Usain Bolt; Sport Marketing: Usain Bolt vira garoto propaganda na Inglaterra; Sport Marketing: Real Madrid fecha com Usain Bolt!; Sport Marketing: Usain Bolt esbanja popularidade; Sport Marketing: Beijing, marca a história do marketing olímpico; ). Já Isinbayeva, que também coroou o título olímpico no salto com vara com o 24.º recorde mundial nesta especialidade (5,05 metros),tornou-se a primeira mulher a receber a distinção de atleta do ano pela IAAf por três vezes, depois das eleições de 2004 e 2005. Isinbayeva bateu as etíopes Tirunesh Dibaba, que "imitou" o compatriota Bekele e também juntou o título olímpico dos 5.000 ao dos 10.000 metros, e Pamela Jelimo, campeã olímpica dos 800 metros e a única a vencer nos seis "meetings" da Golden League. Além dos troféus Bolt e Isinbayeva ganharam um check de US $ 100.000. Na corrida ao prêmio individual masculino estavam também o etíope Kenenisa Bekele, campeão olímpico dos 5.000 e 10.000 metros, e o cubano Dayron Robles, que ganhou medalha de ouro nos 110 metros barreiras em Beijing, cerca de um mês depois de ter batido o recorde mundial da distância (12,87 segundos) (ler matérias arquivo Sport Marketing: Yelena Isinbayeva em frascos; Sport Marketing: Isinbayeva milionária exterminadora de recordes). Usain Bolt está perto de se tornar o mais caro corredor olímpico já no próximo verão. Especula-se que os preços da participação de Bolt em torneios na Europa podem alcançar cerca de US$$ 200000 (£ 134000) até o próximo Campeonato do Mundo, em Berlim. De acordo com Ricky Sims, empresário que cuidou da carreira do atleta desde 2004, os ganhos financeiros de Bolt "provavelmente já fezem dele um milionário, mas não um homem rico comparativamente a outros esportitas como o jogador de futebol David Beckham, o golfista Tiger Woods e o tenista Roger Federer ". "Usain ainda está no início da carreira e o que desejamos é que ele siga neste nível em Londres nos Jogos Olímpicos. Nós queremos, acima de tudo mantê-lo como um atleta. Em 2013, ele pode se tornar o primeiro atleta 10 milhões de dólares"- ressaltou o agente. Bolt parece imune à fama e fortuna, mas admitiu que havia chegado em um alto estilo de vida para o padrão jamaicano. "As pessoas dizem que eu não posso correr e sair rápido demais, mas eu lhes mostrei que não é verdade. " - disse o atleta, cujos últimoscompromissos promocionais o fizeram perder várias semanas de treinamento após o retorno para a Jamaica após a temporada européia.

Redação Sport Marketing