11 de set. de 2008

3M comemora parceria com VANOC

Durante uma cerimônia de lançamento a 3M celebrou a seleção da empresa como fornecedora oficial de gráficos fotográficos para os Jogos Olímpicos de Inverno de Vancouver. A 3M é uma das 26 fornecedoras oficiais do VANOC - Vancouver Organizing Committee - Comitê Organizador dos Jogos de Vancouver 2010. A 3M irá projetar gráficos gigantes montados em material fotográfico flexível que serão instalados nos edifícios de 48 patrocinadores e provedores corporativos do Canadá e que também serão exibidos em edifícios e veículos olímpicos.

Redação Sport Marketing

Pesquisa aponta otimismo na África do Sul para a Copa


Uma pesquisa realizada na África do Sul mostrou que 71% dos torcedores africanos são a favor das cornetas (vuvuzelas) nos jogos da Copa de 2010. Os entrevistados acreditam que as cornetas vão dar uma atmosfera alegre ao avento e que a vuvuzela é um sinônimo com espírito do espectador africano. O uso das vuvuzelas tem sido censurado e foi proposto que o instrumento fosse proibido na Copa do Mundo. A forte aceitação popular levou o Comitê da FIFA a suspender a proibição levando em consideração que os estrangeiros terão a mesma tolerância para este ícone do futebol africano. Outra pergunta da pesquisa foi se a África estará pronta para a Copa e 66% dos africanos estão confiantes que o país estará pronto para hospedar com sucesso o evento.

Redação Sport Marketing

Poker fecha patrocínio com goleiro

A Poker, marca gaúcha de materiais esportivos, fecou contrato de patrocínio com o goleiro Elton, do Ituano. A Poker fornece luvas para mais de 50 goleiros de times nacionais. “É uma luva muito boa. Ela tem resistência e qualidade, além de uma forte aderência, o que facilita em jogos com chuvas” - disse Elton de 20 anos, que tem contrato até dezembro de 2009 com o Ituano. Os produtos da Poker são exportados para países da Ásia, Europa e América Latina.

Redação Sport Marketing

Divulgadas empresas de venda dos pacotes da Copa

Representantes da FIFA e do governo da província de Gauteng, na África do Sul, realizaram o lançamento oficial da Copa do Mundo África do Sul FIFA 2010 no Brasil. As agências brasileiras selecionadas pela FIFA para a venda dos pacotes da Copa foram: Setella Barros, Marsans, Planeta Brasil, Agaxtur, Palace e Top Service Incentive & Travel. A detentora exclusiva dos direitos do chamado “Programa de Hospitalidade” da FIFA no mundo até 2014, Match Hospitality AG (ler matéria arquivo Sport Marketing: Programas de hospitalidade África do Sul 2010; Sport Marketing: África do Sul está confiante na Copa do Mundo; Sport Marketing: África do Sul divulga gastos para Copa 2010; Sport Marketing: Copa de 2010 procura novo diretor; Sport Marketing: Bolt e Puma levam crianças chinesas à Copa de 2010; Sport Marketing: Puma segue marcando território na África), foi representada por Jaime Byrom e Enrique Byrom, que falaram como o país está se preparando para a primeira Copa do Mundo do Continente Africano, fornecendo informações sobre transporte, hotelaria e dados econômicos. A Top Service foi única designada pela Match Hospitality AG no Brasil para as vendas do programa oficial da Copa das Confederações da FIFA 2009 e da Copa do Mundo FIFA 2010 em viagens de incentivo. O “Hospitality”, modelo único de pacote criado pela FIFA para empresas que usam a Copa do Mundo como meio de incentivar e recompensar colaboradores e parceiros. Voltado para o mercado executivo, prevê pela primeira vez o pacote completo “Full Hospitality Package”, que inclui atividades turísticas, hospedagem e transporte. Durante a Copa são esperados 400 mil visitantes na África do Sul. São três as cidades sedes oficiais da copa de 2010 e cinco para os treinos. Os jogos de abertura e encerramento serão realizados na província de Gauteng, onde se concentra a maioria da população do país e 34% da economia. A capacidade dos eventos nos estádios é de 3 milhões de ingressos sendo 350 mil serão disponibilizados para as companhias de viagem selecionadas pela FIFA, por meio do Programa de Operação Turística, inserido este ano para implementar e controlar os serviços de viagem durante a copa. Os hotéis estão predominantemente localizados nas cidades de Capetow, Durban e Johanesburgo.

Redação Sport Marketing

Juventude fecha patrocínio de calção

A diretoria do Juventude fechou contrato de patrocínio com a EuroAr. A empresa é uma das maiores montadoras, instaladoras e prestadora de serviços de ar-condicionado automotivos do Brasil. Os valores da negociação não foram revelados, mas o contrato válido até o final deste ano, já começou a vigorar. A EuroAr terá a marca estampada na parte traseira do calção de jogo do time.

Redação Sport Marketing

Pesquisa aponta dados interessantes do patrocínio esportivo

Uma pesquisa realizada pela TNS Sport apontou que a imagem de um patrocinador de um time não significa que a marca terá rejeição da torcida adversária. O levantamento apontou que apenas um a cada 22 torcedores (4,47%) afirmou que não compraria um produto ligado a um time adversário. Já 95,53% dos entrevistados responderam que não deixariam de comprar algum produto ou serviço por ele ser patrocinador de um clube rival. A pesquisa ouviu 7.001 pessoas em 14 estados do País e tem margem de erro de 1,1 ponto percentual. A Nike, fornecedora de material esportivo da seleção brasileira aparece em primeiro lugar entre as empresas com maior recall com citação por 20,11% dos entrevistados. Completam a lista dos cinco primeiros Adidas (11,30%), Coca-Cola (7,26%), Skol (7,04%) e Brahma ( 6,06%).

Redação Sport Marketing

Adidas cria adiZones em Londres

A Adidas irá investir em locais de competição como parte do patrocínio olímpico dos Jogos de 2012. A fabricante alemã de materiais esportivos anunciou o aporte financeiro no valor de £1m em cinco instalações esportivas permanentes que receberão o nome 'adiZones '. De acordo com o site oficial do LOCOG - London Organizing Committee Olympic Games - Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Londres, as 'adiZones' serão construídas em Tower Hamlets, Greenwich, Hackney, Newham e Waltham Forest e são a garantia da Adidas do legado para os Jogos. Cada local será ao ar livre para a prática de muitos esportes olímpicos e paraolímpicos, inclusive basquete, futebol, tênis, uma parede de alpinismo, um ginásio e uma área aberta para dança, aeróbica e ginástica. A primeira adiZone, em Tower Hamlets, será inaugurada hoje, com a presença do atleta olímpico Christine Ohuruogu, medalha de ouro nos 400m. Os locais esportivos serão abertos para o público local poder usar. Um time de ativadores da Adidas promoverá as instalações para as comunidades locais, escolas e clubes de esporte. A Adidas pretende investir nos Jogos de 2012 cerca de £100million.

Redação Sport Marketing

Timão fecha dois patrocinadores para futebol feminino

O Corinthians fechou contrato de patrocínio para equipe feminina de futebol alvinegra. A atacante Cristiane, medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Beijing, terá o salário pago pelo Hospital Villa-Lobos que junto com a importadora Casa Flora, somará o investimento de aproximadamente R$ 135 mil na equipe do Parque São Jorge até o final do ano.

Redação Sport Marketing

Octagon somou medalhas em Beijing

Entre todas as empresas de marketing esportivo que detém os direitos de representação de atletas, nenhuma ganhou tantas medalhas nos Jogos Olímpicos de Beijing quanto a Octagon. Ao todo, os clientes da Octagon, de cinco países, ganharam um total de 37 medalhas em Beijing -20 de ouro, oito de prata e nove de bronze. Apenas o nadador americano Michael Phelps, ganhou oito medalhas de ouro, Natalie Coughlin, também dos Estados Unidos, ganhou um ouro, duas medalhas de prata e três de bronze, Ryan Lochte faturou duas de ouro e duas medalhas de bronze, Katie Hoff subiu no pódio para receber uma prata e dois bronzes, Garrett Weber-Gale conquistou duas medalhas de ouro, Ian Crocker e Megan Jendrick foram premiados com uma medalha de ouro cada. Também nas provas de natação, Kirsty Coventry levou para o Zimbábue uma medalha de ouro e três de prata. No atletismo, os americanos Allyson Felix (um ouro e uma prata) e Sheena Tosta (uma prata) e a canadense Priscilla Lopes-Schliep (um bronze) somaram conquistas para a empresa de marketing esportivo. Donny Robinson dos EUA ganhou bronze na BMX. Chris Paul era um atleta importante do time de basquete americano medalha de ouro. Nas competições de tênis, a russa Elena Dementieva ganhou a medalha de ouro no evento de simples.

Redação Sport Marketing

Caixa homenageia atletas olímpicos

A Caixa que em 2008 investiu R$22 milhões em patrocínio esportivo, realizou uma homenagem especial aos atletas brasileiros da ginástica artística e do atletismo que participaram dos Jogos Olímpicos de Beijing. O evento aconteceu em Brasília e contou com a presença da presidente da Caixa Econômica Federal, Maria Fernanda e de vários atletas. O banco patrocina as duas equipes de forma coletiva e alguns de atletas, individualmente, como a ginasta Daniele Hipólito. “Tivemos muito orgulho. A Maurren nos trouxe o ouro, a nossa equipe de ginástica ficou no melhor resultado de todas as Olimpíadas, a equipe deu o oitavo lugar para o Brasil. Isso nos estimula cada vez mais a investir no esporte e, principalmente, a partir de agora, na preparação, na educação, na criação de novos talentos”- disse a presidente do banco. “Temos evoluído muito, vimos o quanto as pessoas se mobilizaram para os Jogos Panamericanos e para as Olimpíadas. Cabe a alguns clubes e a outros patrocinadores como a Caixa fazerem isso para ter um incentivo como um todo, mas com certeza vêm evoluindo cada vez mais” - disse Diego Hipólito que era uma das promessas de medalha para o Brasil no solo masculino da ginástica artística em Beijing, mas sofreu uma queda que o afastou do pódio.

Redação Sport Marketing

Marcas mantém vivos Jogos Olímpicos

As marcas que lucraram com os Jogos Olímpicos de Beijing seguem mantendo o evento vivo. A Speedo, por exemplo, decorou as lojas com as imagens do suoer campeão Michael Phelps, oito medalhas de ouro nos Jogos de Beijing e Natalie Coughlin. Os displays da Nike estão utilizando a imagem da atleta Kara Goucher, que também tem sido a protagonista de outdoors em Chicago.

Redação Sport Marketing

Bank of America a um passo do New York Yankee Stadium

O Bank of America Corp está prestes a fechar um acordo de patrocínio com o novo New York Yankee Stadium, famoso estádio de beisebol norte-americano. De acordo com Street & Smith’s SportsBusiness Journal, um jornal do grupo Charlotte Business Journal, o pacote da negociação ainda não foi confirmado, mas especula-se que o banco ofereceu o valor de US$20 milhões ano, quantia melhor do que o acordo do Citibank e do Barclays’ com o estádio do New Jersey Nets. Em contra-partida, o banco teria forte exposição de placas dentro, fora e em torno do estádio, exposição proeminente na entrada principal de estádio, incluindo placar eletrônico, logotipos em todos os ingressos, além de exposição na mídia na emissora de tv a cabo durante as transmissões e na estação de rádio interna do estádio. Porém, o business não inclui direitos de naming-rights. O Bank of America Corp é patrocinador do USOC - United States Olympic Committee - Comitê Olímpico dos Estados Unidos, NASCAR, Major League Baseball incluise os Yankees, Boston Red Sox e mais oito times, National Football League e times como New England, Washington, Dallas e Carolina; naming rights do Panthers’ stadium em Charlotte.

Redação Sport Marketing