5 de set. de 2008

Mercado: Vulcabras/Azaléia tem novo diretor de Operações da

A Vulcabras/Azaléia contratou Eduardo Lara para ocupar a recém-criada diretoria de Operações, que vai coordenar as ações nas áreas de Marketing, Vendas, Exportações, Sourcing e relacionadas. O executivo possui experiência de mais de 15 anos na Alpargatas no setor de calçados esportivos, onde participou do lançamento e gestão de todas as marcas da empresa.Também acumulou experiência na área de eletroeletrônicos, lançando a Nintendo no Brasil, na gestão das linhas de áudio e vídeo e telefonia da Gradiente, e na área de serviços, pois na Blue Tree Hotéis nos últimos anos.

Redação Sport Marketing

Mercado: Aon adquiri 11ª filial

Nos últimos dez anos, a Aon adquiriu dez corretoras e firmou uma joint venture. De acordo com
nota da Aon, esta é uma estratégia de negócios que vem acrescentando dois diferenciais: maior capilaridade, pois está presente em mais capitais no Brasil que as principais concorrentes; e expansão em nichos de mercado, como, por exemplo, bioenergia, agribusiness, cascos marítimos, garantia, crédito, entre outros.“Esta é a 11ª filial. A capacidade da Aon de atender a clientes em todo o Brasil passa a ser um forte diferencial. Nossos clientes sentem mais tranqüilidade quando sabem que podem contar com estruturas regionais, sem perder a qualidade dos serviços”- comentou o vice-presidente da Aon, Felipe Figueira. Com a compra da Exseg, uma corretora com 12 anos de atuação no mercado capixaba e líder no ramo de seguro de transportes, a Aon aumentou a representatividade do ramo de transportes na carteira de negócios. “O mercado de seguros de transportes urge por uma atuação diferenciada de seus corretores e consultores de risco. Ser uma corretora multinacional é um grande diferencial, pois podemos importar boas práticas internacionais, além de ampliar as possibilidades de serviços e produtos que poderemos oferecer às empresas do mercado do Espírito Santo” - disse Carlos Eduardo Quintela Tavares, ex-proprietário da Exseg, que assume a direção da nova filial Vitória.

Redação Sport Marketing

Ronaldo tem que usar camisa da Nike ou do Manchester City!

Sem querer estender o assunto e dar mais visibilidade ao tema, pois parece ser essa a intenção da diretoria e gerência de marketing do Flamengo, Ronaldo Fenômeno está na Gávea com duas funções definidas: usar da estrutura para emagrecer e retomar a forma física acompanhado de perto pelo médico que lhe operou o joelho e que também é responsável pelo departamento médico do clube, o Dr. Runco. Detalhe: a camisa ideal de patrocinador que ele deveria usar seria a da empresa que o patrocina, no caso a Nike. Ronaldo já é maduro suficiente e deveria saber separar as coisas, não se deixando levar pelo espírito de urubu do marketing do clube que lhe está cedendo a estrutura, de graça, mas que em contra-partida está usando a imagem dele para cutucar a Nike e ganhar espaço na mídia. Indo ainda mais no cerne da questão, se Ronaldo quiser usar alguma camisa de time, o correto seria que ele vistisse a do Manchester City, cuja sondagem o inspirou a perder peso e voltar aos gramados. Engana-se quem acha que Ronaldo está no Flamengo para ficar!

Redação Sport Marketing