22 de jul de 2008

Coca-Cola lança game da Nascar

Além dos 13 pilotos patrocinados pela marca na NASCAR, a parceria da Coca-Cola com a stock car americana renomeou a prova das 400 Milhas de Daytona para Coke Zero 400. A corrida aconteceu no inicio do mês, mas obviamente a Coca-Cola pretende continuar aproveitando o acordo milionário durante todo o ano. Vale lembrar que a NASCAR é mais um território de disputa ferrenha entre as duas maiores fabricnates de bebidas do mundo - Coca e Pepsi. Não é à toa que a Coca-Cola lançou um game chamado “Coke Zero Rooftop Racer”, que coloca o jogador na pele do piloto Elliott Sadler. Só que não basta correr, é preciso equilibrar um garrafa de Coca-Cola Zero no teto do carro, enfrentando diversos obstáculos, mudanças climáticas e as batidas dos outros competidores. O jogador recebe códigos dependendo da pontuação, que podem ser trocados por bônus escondidos através do menu do game. Os códigos habilitam novos carros, modos de jogo e até uma vending machine de Coca-Cola. Criado pela Crispin Porter + Bogusky, o game tem jogabilidade simples, divertida e uma caprichada produção gráfica.jogue pelo link: http://www.cocacolazero.com/rooftopracer/index.jsp

Redação Sport Marketing

Espetáculo... de maiô

A nadadora Fabíola Molina, além de competir na natação durante os Jogos Olímpicos de Beijing, também irá aproveitar o evento para divulgar a grife de maiôs que recebe o nome dela. A marca Fabíola Molina fornecerá maiôs e sungas para alguns atletas da delegação brasileira treinarem. Esta não é a primeira vez que a nadadora pega carona no evento olímpico para distribuir os maiôs fabricados pela confecção dela aos atletas brasileiros. Nos Jogos de Atenas/2004 e no Pan-Americano do Rio de Janeiro, a grife Fabíola Molina estava nos corpos de muitos atletas durante os treinamentos. Os maiôs fazem jus ao nome que carregam...são um espetáculo.

Redação Sport Marketing

Espanha lança selos comemorativos ao título da EURO

Os correios de Madri anunciaram que colocarão à venda selos comemorativos celebrando a vitória da seleção espanhola na Eurocopa 2008. O selo, que vai custar um euro, traz uma ilustração mostrando o pé de um jogador que chuta a bola, ao lado da escrita "Campeões!", em espanhol e será vendido dentro de um pequeno envelope que trará a imagem da fotografia de início de jogo da final de Viena quando a seleção espanhola venceu a Alemanha por um gol de diferença.

Redação Sport Marketing

Robocops olímpicos

Os mascotes olímpicos já estão de plantão no Aeroporto Internacional de Beijing para recepcionar os turistas. A novidade fic apor conta do fato de que os mascotes são robôs com a aparência dos Fuwas. Os mascotes olímpicos robóticos respondem perguntas em vários idiomas. O jornal oficial "China Daily" também destaca como novidade a exibição de vídeos nos aviões para ensinar os visitantes olímpicos a agirem ao chegarem e saírem do aeroporto.

Redação Sport Marketing

31 atletas participam do novo anúncio Nike

O ex-campeão mundial e olímpico Carlos Lopes é um dos 31 atletas que vão participar no anúncio “Courage” (Coragem) que irá assinalar os 20 anos da Nike. Mas Carlos Lopes não será o único português na campanha com lançamento marcado para o final deste mês. Ao lado dele estará Cristiano Ronaldo, segundo avançou o site Brand Republic. A lenda da NBA, Michael Jordan e o heptacampeão da Volta a França, Lance Armstrong, são outras das estrelas do esporte mundial que aparecem no anúncio. No site da marca (www.nike.com) pode revisitar-se a carreira de cada atleta e deixar alguns comentários.

Redação Sport Marketing

Deu na Time: Ricardo Teixeira é o pior cartola esportivo do mundo

Deu na Time: Ricardo Teixeira, presidente da Confederação Brasileira de Futebol é o pior cartola esportivo do mundo. Em seu site, a tradicional publicação norte-americana fundada em 1923 apresenta uma lista de 36 nomes de notáveis – “e não tão notáveis assim” – e os submete ao crivo dos leitores. A pontuação vai de um – o pior possível –, até 100 – para "gênios do esporte". Ricardo Teixeira há 19 anos na CBF tem média 15. O melhor dirigente do mundo, para a “Time”, é o escocês Alex Ferguson, há 22 anos à frente do Manchester United e atual campeão da Liga dos Campeões da Europa. Ferguson tem média de 81 pontos e, entre as qualidades, para a “Time”, está a impressionante marca de 22 troféus conquistados e o desenvolvimento da marca do clube e da carreira de astros como Beckham e Cristiano Ronaldo. Ricardo Teixeira é lembrado pelas Copas que conquistou, mas também ganha destaque pela “intransigência e arrogância”.

Redação Sport Marketing