17 de jun de 2008

Em pauta: consumo de bebidas, futebol feminino e verbas para esportes não olímpicos

A Comissão de Turismo e Desporto se reúne nesta quarta-feira e pode votar o Projeto de Lei 103/07 que proíbe a venda e o consumo de bebidas alcoólicas em estádios ou ginásios esportivos em dias de jogos. Segundo a proposta, a proibição valerá em um raio de 500 metros de distância das entradas dos estádios e ginásios. Pelo projeto, quem for apanhado com bebida alcoólica será multado em R$ 1,5 mil, valor que será dobrado em caso de reincidência. Já o fornecedor, além de receber multa, terá apreendidos os produtos comercializados. O substitutivo proíbe a venda de bebidas apenas no local de realização do evento, incluídos os espaços de circulação e permanência do público, sem a exigência de 500 metros prevista no projeto original. Pelo texto do relator, a fiscalização da medida caberá aos agentes públicos responsáveis pela segurança dos torcedores. No texto original, essa atribuição era compartilhada com os administradores dos estádios. Segundo o portal da Câmara, outro item da pauta é o Projeto de Lei 2377/07 que torna obrigatória a participação dos clubes de futebol em competições masculinas e femininas para terem direito aos recursos da Timemania - loteria federal criada para financiar os clubes de futebol. Pela proposta, os concursos de prognósticos baseados em competições entre equipes também deverão ter pelo menos 30% de jogos entre equipes femininas. Além disso, pelo menos 30% dos recursos arrecadados pelos clubes em razão desses concursos deverão ser investidos em equipes femininas. Os parlamentares poderão votar ainda o PL 2225/07 que cria o Fundo de Apoio ao Esporte Não Olímpico (FNO), para dar apoio financeiro ao esporte de rendimento nas modalidades não olímpicas. Pela proposta, o novo fundo será gerido pelo Ministério dos Esportes.

Redação Sport Marketing

Estádio olímpico de Londres custará 662 milhões de euros

Não é só no Brasil que as obras de ginásios para mega eventos sobem de preço e a quantia dos orçamentos aumentam, não! Muita gente falou e ainda fala dos custos do Pan, mas chupa só essa manga! Lá em Londres, primeiro mundo, onde tudo anda nos trilhos, o estádio olímpico dos Jogos de 2012 que foi orçado em 353 milhões de euros (R$ 880 milhões) em 2005 vai custar na realidade 662 milhões de euros (um bilhão de dólares - R$ 1,650 bilhão). Isso segundo a última revisão orçamentária da obra realizada pela equipe do novo prefeito de Londres, Boris Johnson. De acordo com a revisão dos custos estimados, que levou a um aumento de 37 milhões de euros (R$ 92,2 milhões) desde novembro, alta que faz parte do aumento de 134 milhões de euros (R$ 334 milhões) nos custos de todas as sedes olímpicas.

Redação Sport Marketing

EUFA EURO 2008 impulciona números da Adidas

Para a Adidas a UEFA EURO 2008 tem provado ser um grande sucesso. "Nós tivemos muito sucesso em continuar o impulso da Copa do Mundo que aconteceu em nossa casa para expandir nossa posição de liderança de mercado nos negócios do futebol global. A Adidas, patrocinadora oficial da EURO 2008, detém atualmente 40% no mercado de futebol, dois pontos a mais que no ano passado (38%)" - afirmou Herbert Hainer - CEO e presidente da fabricante de materias esportivos alemã. "Esses números são mais altos que dos nossos concorrentes mais próximos, a Puma e a Nike" - salientou Hainer. Ainda segundo o executivo, no ano passado, Adidas expandiu a posição de liderança no mercado de uniformes de futebol e com a EURO 2008, a empresa espera vender ainda mais mercadorias, um valor estimado de 1.8 bilhões de dólares. "Isto é um aumento de vendas de mais de 50% desde a EURO 2004. Todas as regiões e categorias de produtos contribuíram para este crescimento" - informou Hainer. "Por mais de 50 anos, a Adidas desempenhou um papel importante em todas inovações de produtos para o futebol. Isso nos dá um grau de credibilidade que nenhuma outra marca pode reivindicar. Os fãs e jogaores em todo nível sabem que nós vivemos para o futebol, e que eles podem contar com nossos produtos" - adicionou Herbert Hainer. Como Patrocinador Oficial, Provedor e Licenciado de UEFA EURO 2008, a Adidas desenvolveu a Bola Oficial do torneio e forneceu materiais para as equipes oficiais, árbitros, voluntários e gandulas. A marca alemã também veste as seleções da Alemanha, França, Espanha, Romênia e a Grécia como também mais de 100 jogadores individuais nos campeonatos europeus de ano. Adidas também está capitalizando na EURO como plataformas de marketing espetaculares, como uma roda gigante de 42 metros de altura com a imagem do jogador, Petr Cech, além de bonecos gigantescos medindo 33 metros de diâmetro, de onze estrelas do futebol de nove nações que estão dispostos na estação de trem do Zurich (ver matérias de arquivo Sport Marketing). "Nossa presença com nossos produtos nos campos e em atividades de marketing excelentes fora dos estádios, está gerando uma excitação entre os consumidores nos países anfitriões" - disse Erich Stamminger, Presidente e CEO do Adidas. O Grupo tem mais de 33 mil empregados no mudo e em 2007 gerou vendas de € 10.3 bilhão. A Adidas também espera um aumento nos lucros em torno de 15% para este ano.

Redação Sport Marketing

Sport prá ver e vestir

O Sport Recife pretende lançar um DVD comemorativo que mostrará toda campanha do Sport na Copa do Brasil, como bastidores, jogos, informações dos jogadores e toda campanha, além da festa do título na Ilha do Retiro. Também está em pauta na Ilha do Retiro a possível mudança no escudo do clube, pois, a princípio, uma nova estrela dourada seria acrescida à que representa o Brasileirão de 1987 e da estrela prateada que representa a Série B de 1990. Alguns dirigentes propõem que a de 1990 seja substituída pela nova. A outra novidade vem da Lotto, marca italiana que produz o material esportivo do time. A empresa adiantou que confeccionará uma camisa exclusiva para a disputa da Libertadores do ano que vem e que já está em andamento a produção da camisa comemorativa do título nacional.

Redação Sport Marketing

LOCOG, Time, BBC e Honda apóiam entidade de projetos sociais

O LOCOG - Comitê Organizador dos Jogos de Londres 2012, a revista TIME, a BBC e da equipe de fórmula 1 Honda são os parceiros da Fundação Beyond Sport, que tem como objetivo promover e revelar projetos, pessoas e organizações que utilizem o esporte como ferramenta de desenvolvimento e inclusão social. A Fundação Beyond Sport ajudará os projetos a evoluir, assegurando que se tornem exemplos sustentáveis de esporte como um veículo para mudança social. A iniciativa tem o suporte de várias entidades mundiais influentes. A International Association of Athletics Federations (IAAF) - Associação Internacional de Federações de Atletismo se tornou a primeira federação de esporte internacional a dar apoio à iniciativa, assim como a UNICEF que emprestou a experiência na área de desenvolvimento internacional. A revista Time e a BBC também apóiam o projeto. O ex-atleta Lord Sebastian Coe é o embaixador da Beyond Sport que entre as atividades marcadas lançará um prêmio e um fórum anual. "Usar o poder do esporte para inspirar mudanças é a nossa visão para Londres 2012", disse Lord Sebastian Coe, membro do LOCOG. "O esporte carrega uma mensagem muito poderosa, e é por isso que somos os 'pole position' como parceiros corporativos da nova entidade", disse Nick Fry, CEO da equipe de fórmula 1 da Honda. Mais informações sobre a fundação acesse http://www.beyondsport.org/.

Redação Sport Marketing

Mercado: Air Zoom Vomero + 3 já está nas lojas

O tênis Air Zoom Vomero + 3 chegou ao mercado brasileiro na semana passada e já está sendo vendido nas principais lojas do País. O calçado possui a tecnologia Plus (+), com um chip localizado sob a palmilha que transmite informações sobre o treino para o Ipod nano do corredor. Mais leve que o modelo anterior em 4% no masculino (326 gramas) e 7% no feminino (277 gramas), o tênis também poderá ser usado com o SportBand, uma pulseira que chega ao Brasil em agosto e permite ao usuário visualizar todas as informações do treino, como quilômetros percorridos e calorias gastas. O Vomero + 3 possui novo sistema de amortecimento, desenvolvido no Laboratório de Pesquisas Esportivas da Nike, que aumenta o impulso e reduz a velocidade de pronação. Além disso, traz uma nova palmilha que se molda por igual em todas as partes dos pés. O tênis é indicado para treinos e provas longas do corredor, que busca resposta rápida de amortecimento, maciez e durabilidade. O preço sugerido é de R$ 499,99.

Redação Sport Marketing

Figer orquestra exposição "Marcas do Rei"

A Prefeitura de São Paulo, a Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Recreação, a Figer, empresa de marketing esportivo, e o Museu do Futebol oficializam a exposição "As Marcas do Rei". Além da parceria com a Secretaria, a exposição conta com o apoio da rede de academias Pelé Club e da Visa Valle. O evento, que celebra os 50 anos da conquista da Copa do Mundo de 1958, acontecerá no dia 24 de junho. Brasília receberá a exposição de 25 de junho a 25 de julho, e em seguida a cidade de São Paulo. As Marcas do Rei é uma exposição de peças inéditas do acervo pessoal do maior atleta de todos os tempos. Serão seis ambientes divididos nos temas: Santos, Seleção Brasileira, New York Cosmos e Homenagens. Durante o evento o público terá a chance de conhecer de perto a história do maior astro do esporte mundial, por meio de vídeos, dos mais variados objetos, como a Bola de Ouro do milésimo gol, imagens e muitas homenagens recebidas ao longo dos anos. "Quando soube da idéia fiquei muito honrado, principalmente por ter vindo de grandes amigos e parceiros que viveram grande parte desta história comigo. Este acervo é uma oportunidade de mostrar ao público os melhores momentos da minha vida, antes e depois do futebol", afirma o “Rei” Pelé."As Marcas do Rei” revê, não só a trajetória profissional, mas também outras épocas. Como a infância do craque, que relembra momentos inusitados com a caixa de engraxate que lhe rendeu o primeiro salário.

Redação Sport Marketing

Associação Olímpica Britânica lança mascote para Beijing

A Associação Olímpica Britânica revelou a mascote que acompanhará o time da Grã Bretanha no pódio dos Jogos Olímpicos da China. A mascote é um leão que, apesar de ainda não ter um nome, já possui credencial e visto de entrada na China. O nome do leão será decidido por meio de uma votação que a Associação Olímpica Britânica lançou no canal de tv infantil Nickelodeon. O nome mais votado dará a um dos participantes da competição, uma viagem com direito a acompanhante para assistir os Jogos Olímpicos de Beijing, com passagens, acomodação e ingressos incluídos. "Nós decidimos introduzir uma mascote oficial na delegação da Grã Bretanha para dar um caráter amigável e criar uma identificação com os jovens fãs olímpicos britânicos " - disse Mark Zimmer, Diretor Associação Olímpica Britânica. A imagem do leão está envolvida com a Associação Olímpica Britânica desde 1971 e faz parte do logotipo da Associação junto com os aros olímpicos. "Nós sentimos que o leão é um símbolo apropriado pelos atributos de coragem, determinação e espírito de luta. Isso é o que nós da delegação da Grã Bretanha somos e estamos confiantes em exibir em Beijing" - disse o jovem talento Tom Daley (foto). "Eu achei a mascote fantástica. Eu espero que traga à delegação sorte extra nos Jogos Olímpicos. Eu já votei e minha escolha de nome para o leão é Oly" - finalizou. Cada atleta receberá uns 15 mascotes para levar a Beijing 2008 e celebrar a conquista de medalhas.

Leandro Rabello - Correspondente Sport Marketing - Londres

Sky Sports estende direitos do US OPEN

Sky Sports fechou contrato de seus anos pelos direitos de transmissão exclusivos do US OPEN, um dos quatro torneios mais importantes de golfe. Os valores do business não foram revelados, mas o novo contrato entre a SKY Sports e a Associação de Golfe dos EUA, começa a vigorar a partir de 2009 até 2014, quando a Sky Sports completará 24 anos sucessivos transmitindo o torneio. A Sky Sports além dos direitos do US OPEN, também transmite o US PGA e a Ryder Cup, todos contratos de longa duração.

Redação Sport Marketing

David Beckham é garoto propaganda da Emporio Armani

David Beckham fechou contrato com a Emporio Armani e será o garoto propaganda da nova coleção da marca. Os valores do negócio não foram divulgados, mas sabe-se que a nova campanha de publicidade inclui um mural gigante na Macy's em San Francisco, exibindo o ídolo do futebol vestido apenas com as roupas íntimas da Emporio Armani para o Outono/Inverno de 2008-09. A campanha de publicidade foi feita na praia de Malibu, na Califórnia, novamente pelos famosos fotógrafos de moda Mert Alas e Marcus Piggott e será veiculada em revistas de esportes, moda e estilos de vida e nos outdoors de destaque nas principais cidades, incluindo Nova York, Los Angeles, Londres, Milão, Roma, Paris e Tóquio. A linha da coleção Outono/Inverno 2008/09 para homens apresenta algodões stretch e elásticos da marca com detalhes tais como costuras de lurex, inserções para cordões e fitas contrastantes com filamentos metálicos. A palheta de cores inclui as cores naturais da argila, novas nesta estação, com toques de prateado nas costuras ou elásticos e detalhes fluorescentes em microfibra.

Redação Sport Marketing

Mercado: Correios é a empresa com melhor reputação corporativa

Os Correios é a empresa com melhor reputação corporativa, identidade e marca no mundo no segmento. É o que diz o Reputation Institute, organização com sede em Nova Iorque com 10 anos de experiência em estudos sobre reputação corporativa. Ainda segundo o ranking deste ano divulgado pela revista Forbes, a companhia de correios é considerada a segunda do ramo de logística, superando concorrentes como FedEx. No Brasil, segundo pesquisa realizada pelo Ibope, os Correios aparecem em segundo lugar entre as instituições que têm mais confiança da população, com 91%, ficando atrás apenas do Corpo de Bombeiros. Os Correios destaca-se no Brasil por ser uma das empresas que mais investem em marketing esportivo. É patrocinadora oficial da Confederação Brasileira de Natação e fechou, recentemente, contrato com a Confederação Brasileira de Tênis (ver matéria arquivo Sport Marketing - Correios fecham patrocínio com o tênis nacional)

Redação Sport Marketing

Raposa lança programa Confraria

O ex-lateral-esquerdo Nonato foi escolhido como um dos destaques do novo projeto de marketing em desenvolvimento pela Raposa. O programa, que recebeu o nome de Confraria, prevê a implantação de franquias do Cruzeiro Sport Bar. O Cruzeiro Sport Bar é um complexo comercial e de entretenimento, composto por uma unidade da loja oficial do clube, a Cruzeiro Mania, um espaço Puma, para venda de material esportivo, e um amplo bar, onde os torcedores acompanham os jogos cruzeirenses. "Vai ser um local para assistir os jogos, comprar produtos, vai funcionar da mesma forma que o Sport Bar que funciona em Belo Horizonte" - explicou Nonato, que defendeu por sete anos o Cruzeiro e que ocupará o cargo de coordenador e divulgador da marca Cruzeiro no interior a convite de Gustavo Perrella, filho do vice-presidente de futebol, Zezé Perrella. "Vou ser o diretor, vamos abrir os bares e eu vou viajar para o local, para ajudar a divulgá-lo, fazer com que todos fiquem sabendo da existência. Esta é a principal idéia. Vou desenvolver e coordenar este projeto Confraria" - informou Nonato.

Redação Sport Marketing

UEFA explica admissão do Porto e Benfica exige indenização

A UEFA justificou a admissão do Futebol Clube do Porto (FC Porto) na próxima edição da Liga dos Campeões para evitar "prejuízos irreparáveis" caso o clube português seja absolvido de todas as acusações. Após a realização da comissão de apelo da UEFA, é dito na ata que as decisões tomadas relativamente à culpabilidade do FC Porto em tentativas de corrupção não são definitivas nem executórias. O documento acrescenta que, se o presidente do FC Porto, Pinto da Costa, for condenado em primeira instância e recorrer da decisão, o clube vai beneficiar do resultado desse apelo. A UEFA salientou que dificilmente a decisão das entidades portuguesas de futebol, relativa ao recurso de Pinto da Costa, será conhecida antes do início da próxima temporda da Liga dos Campeões. A Comissão de Controle de Disciplina da UEFA irá rever o caso assim que a decisão do Conselho da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) seja tida como definitiva. A comissão da UEFA deixa claro que considerou contraditórias as explicações apresentadas pela FPF na documentação fornecida ao organismo europeu de futebol entre 15 de maio e 2 de junho, e salienta ainda que as restantes partes interessadas, Benfica e Vitória de Guimarães, deveriam ter sido ouvidas no início do processo. Já o Benfica exige 30 milhões de euros de indenização à Federação Portuguesa de Futebol por causa da reentrada do Porto na Liga dos Campeões. A imprensa européia diz que os encarnados consideram que tiveram danos morais e patrimoniais por deixarem de ir à pré-eliminatória do torneio. O Benfica ainda deve avançar com uma providência cautelar nos tribunais suíços e apresentar um recurso no Tribunal Arbitral do Desporto. No site do clube, o Benfica diz que ai recorrer aos tribunais por causa da forma negligente com que a Federação lidou com o processo. Em comunicado, a Federação Portuguesa de Futebol considera 'incompreensíveis' as acusações do Benfica.

Redação Sport Marketing