22 de abr de 2008

Vancouver fecha mais um patrocínio local

Os Jogos Olímpicos de Inverno de 2010 contam com mais um patrocinador local: uma marca de bebida fermentada a base de malte oficial. O VANOC - Vancouver Organizing Committee - Comitê Organizador de Vancouver anunciou que a Molson será a cerveja oficial dos Jogos. O valor do patrocínio está estimado entre US$3 milhões e US$15 milhões. Este contrato é o mais recente de uma vasta e crescente lista de patrocinadores variados que vão desde refrigerantes até marca de diamantes e aquecedores. Os membros do VANOC estão entusiasmados. "Você verá todos os tipos de categorias " - disse John Furlong, CEO do VANOC. "O nosso trabalho é organizar a mais inesquecível edição dos Jogos de Inverno e vamos fazer isto do modo mais financeiramente responsável que pudermos, então, quanto mais patrocinadores e parcerios nós tivermos melhor." Tais negócios multimilionários são incrivelmente valiosos para ambos os lados. Empresas como Molson garantem exclusividade para os dezenas de milhares de pessoas que forem aos Jogos, que são um dos maiores eventos esportivos do mundo. "Eu não penso que você pode olhar para estes tipos de contratos com os olhos de quem pensa exclusivamente em lucrar ou não, pois a relação é mais do que vendas" - disse Kevin Boyce, CEO da Molson, que é a cervejeira mais antiga do Canadá, fundada em 2005 pela Coors, baseada nos Estados Unidos, empresa que tem tradição com o esporte no Canadá. Nos últimos Jogos de Inverno realizados no Canadá, em Calgary, 1988, a Labatt foi a cerveja oficial. Naquela época ter a marca vinculada aos Jogos estava entre US$8 milhões e US$10 milhões. Até o momento, oito empresas do programa de marketing TOP fazem parte dos Jogos de 2010: Coca-Cola, Atos Origin, GE, McDonald´s, Omega, Panasonic, Samsung, Visa. Seis empresas fazem parte da elite de patrocinadores locais: Rona, Bell Canadian, HBC, RBC, GM, Petro Canadá. Nove são os patrocinadores oficiais: Air Canada, BC Hydro, British Columbia Lottery, Canadian Pacific, ICBC, Jet Set, Ricoh, Royal Canadian Mint, Teck Cominco. Dezoito são os fornecedores oficiais de produtos.

Sandra White - Correspondente Sport Marketing - Estados Unidos

Adidas lança campanha "Sonhem Grande"

A Adidas lançou uma campanha de futebol na Alemanha na qual as grandes estrelas de futebol do mundo encontram os times menores. O filme chama-se "Sonhem Grande". O conceito segue o modelo tradicional da Adidas que mostra atletas de elite ao lado de pessoas reais, inspirando-as a alcançar o impossível, realçando o slogan "Impossible is Nothing" - "Impossível não existe". O projeto de comunicação integra spots de TV, telefonia móvel, impressos e uma série na web de 12 episódios no portal www.adidas.com/football. Na Alemanha, a campanha será lançada na tv em 26 de abril. Logo depois, os spots comerciais serão exibidos na Ásia, Europa, África e EUA numa ação que tem a EURO 2008 como meta principal. Como patrocinadora oficial da EURO 2008, a Adidas irá fornecer a bola e equipamentos oficiais para árbitros, voluntários e gandulas. A fabricante alemã de materiais esportivos tem contrato com cinco seleções que participarão do torneio: Alemanha, França, Espanha, Romênia e Grécia. Com a EURO 2008, a Adidas planeja expandir a liderança da marca nos campos de futebol nos países de anfitriões da EURO, como também mundial. Kaká, Lionel Messi, Steven Gerrard, David Beckham, Michael Ballack, Philipp Lahm e Lukas Podolski são as estrelas que enviadas para Andorra, San Marino e Isles of Scilly(Reino Unido) para treinar times locais e filmar. Cerca de 180 meninos e meninas foram selecionados pela agência de publicidade Adidas, para tomar parte do filme sobre o futebol.
Redação Sport Marketing

O que significou a vitória de Danica Patrick?

A vitória de Danica Patrick na Indy Japan 300, em Montegi, foi realmente um grande marco na carreira dela. Pena não ter acontecido em tempo, hora e lugar piores. Ou seja, ganhar uma corrida no Japão, às 11:59 de uma noite de sábado não é lá, do ponto de vista de marketing, uma clássica vitória digna de orgulho para os patrocinadores. A corrida já havia sido adiada por causa das chuvas na noite anterior, fato que também prejudicou a transmissão da ESPN e, consequentemente, a grade dos anunciantes. Por outro lado, a vitória no Japão deu a Danica Patrick uma boa visibilidade. Visibilidade esta que teria sido ideal se Danica não tivesse encoberto o logotipo da Motorola, na hora da premiação, quando ela chamou a irmã Brooke quando recebeu o troféu, afinal, a Motorola é o patrocinador principal da piloto. O fuso horário não permitiu que a vitória de Danica fosse festejada pelos patrocinadores, mas a AirTran Holdings Inc, patrocinadora oficial da equipe Andretti Green Racing na categoria linhas áereas, realizou um belíssimo trabalho. Como patrocinador de AGR desde maio de 2005, a AirTran Airways tem a marca nos carros e no uniforme dos pilotos e esta é a primeira vez que a empresa patrocina uma mulher piloto. "A AirTran Airways gostaria de estender os parabéns para Danica Patrick por ocasião da primeira vitória na Indy Series" - disse Bob Fornaro, presidente da AirTran Airways . No domingo, a empresa anunciou que a segunda-feira seria conhecida como "AirTranica Day"(uma brincadeira em alusão ao nome de Danica). Em todos os vôos do Boeing 717-200 os passsageiros ganharam a fotografia da piloto. Danica demorou 50 corridas para vencer na Indy, mas outros grandes pilotos também demoraram a levar a bandeira quadriculada, entre eles Ed Carpenter e AJ Foyt IV que só venceram após 68 corridas e o brasileiro Vitor Meira que não ganhou durante 79 corridas. Alguns especialistas de marketing foram consultados sobre o que eles acharam da primeira bandeira quadriculada de Danica. "Ganhar no Japão pode ser tão bonito e talvez seja até pouco artístico, mas é uma vitória. O importante é pontuar. Ela ganhou uma corrida e isto é realmente importante para todos os parceiros de negócios" - disse David Carter, do USC - Sports Business Institute, Instituto de Negócios do Esporte. "Eu penso que o ganhar ajuda os patrocinadores a justificarem o investimento inicial. Ela está agora acima das expectativas" - afirmou Paul Swangard, Warsaw Sports Marketing Center, da Universidade de Oregon. "É difícil prever se a vitória vai aumentar o potencial de marketing de Danica, mas, certamente, vai manter o que ela já tem" - disse Jordan Bazant, da agência de marketing The Agency. Agora a pergunta é quando ela novamente vai ganhar?"

Sandra White - Correspondente Sport Marketing - Estados Unidos

Mercado: Alta de 24% no lucro do McDonald's

O McDonald's informou que as vendas mensais em restaurantes norte-americanos abertos há mais de um ano caíram em março. Esta foi a primeira queda mensal em cinco anos, ofuscando o lucro trimestral maior que o esperado e as fortes vendas fora dos Estados Unidos. As vendas em restaurantes nos Estados Unidos abertos há pelo menos 13 meses subiram 2,9% no trimestre, com queda de 0,8% em março, afirmou a empresa. No último trimestre de 2007 o crescimento havia sido de 3,3%. A maior rede de restaurante do mundo teve lucro líquido de US$ 946,1 milhões ou US$ 0,81 dólar por ação, no primeiro trimestre, contra US$ 762,4 milhões ou US$ 0,62 dólar por ação, um ano antes. Segundo a maior rede de lanchonetes do mundo, as vendas na Europa subiram 23% no período, enquanto que cresceu 24% na Ásia e Oriente Médio. O McDonald's e o concorrente Burger King Holdings têm apresentado um desempenho acima da média do setor, que vem sendo afetado pela alta no preço da gasolina e dos alimentos, além de baixas no mercado de trabalho e queda no valor das moradias.

Redação Sport Marketing

Canon lança concurso EURO 2008

A Canon, patrocinadora da EURO 2008 lançou um concurso para fotógrafos amadores - "UEFA Canon Fan Foto". O concurso pode ser acompanhado no site, até o dia 29 de junho. Antes e durante a Euro2008, os interessados poderão publicar online fotografias, que tenham como tema o futebol. Por cada imagem publicada e votada pelos internautas, a Canon doará um euro à Cruz Vermelha e o grande vencedor poderá estar presente entre os fotógrafos profissionais, no jogo Áustria-Alemanha, dia 16 de junho. O grupo de especialistas da Canon e da Getty Images vai ainda selecionar as 11 melhores fotografias da competição, que serão reveladas entre 27 de maio e 6 de junho. Os vencedores receberão, cada um, ingressos duplos VIPs e uma viagem para ver um jogo, além de uma Canon EOS 450D.

Redação Sport Marketing

Bob Dylan cede música para seleção lusa

A empresa Galp Energia conseguiu que o cantor Bob Dylan cedesse os direitos da música "Paths of Victory" para a campanha de apoio da à seleção portuguesa de futebol. Esta é a primeira vez que Bob Dylan aceita participar de uma iniciativa publicitária desenvolvida na Europa. A empresa Galp justifica a escolha de Bob Dylan por ser "o músico que mais influenciou a música popular e talvez o único que, através da música, conseguiu influenciar comportamentos e gerações". A empresa de combustíveis argumenta ainda que "Paths of Victory", editada no disco "The Bootleg Series" 1991) , "fala de liberdade, de emoções, de causas, de viagem", servindo aos propósitos de uma campanha protagonizada pelos jogadores Simão Sabrosa, Nani e Quaresma. Até ao momento, Bob Dylan participou em campanhas da Victoria`s Secret, Apple e Cadillac.

Redação Sport Marketing

Mercado: AT&T bem de balanço

A AT&T, maior companhia telefônica dos Estados Unidos, anunciou balanço trimestral que apresentou um aumento no lucro do período graças às vendas nas unidades dos serviço sem fio, apesar da queda nas assinaturas das linhas telefônicas tradicionais. O lucro da empresa subiu para 3,46 bilhões de dólares, 0,57 dólar por ação, contra 2,85 bilhões de dólares, 0,45 dólar por ação, no mesmo período do ano anterior. A AT&T, operadora com direito de exclusividade sobre as linhas do iPhone da Apple, afirmou que obteve 1,3 milhão de assinantes de serviços sem fio no trimestre.

Redação Sport Marketing

Mercado: pesquisa aponta Google como mais valiosa

A empresa de consultoria americana Millward Brown realizou uma pesquisa de mercado que indicou o Google como a marca mais valiosa do mundo. O estudo avaliou que a marca vale atualmente US$ 86 bilhões, uma alta de 30% em relação à medição feita pela própria Millward há um ano. Em segundo lugar aparece a General Eletric, com valor de US$ 71,4 bilhões e na terceira colocação está a Microsoft, com valor de marca na casa dos US$ 70 bilhões. As primeiras dez posições do ranking contam com seis empresas de área de tecnologia. Além de Google e Microsoft estão no top 10, a China Mobile (5º lugar, US$ 57,2 bilhões), IBM (6º lugar US$ 55,3 bilhões), Apple (7º lugar 55,2 bilhões) e Nokia (9º lugar, 44 bilhões). Foram ouvidos um milhão de consumidores em 44 países. Segundo a Millward, a posição destacada das empresas de tecnologia não se deve à presença no cotidiano dos consumidores, mas sim à imagem que estas companhias projetam no imaginário das pessoas, como modernidade e vanguarda. O estudo aponta a Apple como uma das marcas que mais ganharam valor no último ano, saltando nove posições no ranking. O estudo avalia que o lançamento do iPhone impactou muito positivamente o valor da Apple. Além das empresas de tecnologia, aparecem no Top 10, Coca Cola (4º lugar, US$58,2 bilhões), McDonald´s (8º lugar US$ 49,5 bilhões) e Marlboro (10º lugar US$ 37,3 bilhões).

Redação Sport Marketing

Kia e Adidas fecham parceria

Como patrocinador oficial da EURO 2008, a Kia Portugal reservou uma área exclusiva de 140 m2, no Salão do Automóvel Internacional onde não faltará a animação para os fãs do futebol. O stand será totalmente construído com base nos motivos, mascotes, símbolos e cores do Campeonato Europeu de Futebol. A Kia desenvolveu uma parceria com a Adidas, patrocinadora e fornecedora oficial da EURO e pretende proporcionar aos visitantes um verdadeiro desafio esportivo, em que habilidade e rapidez serão cruciais. Os participantes nas diversas ações a que serão desenvolvidas no stand poderão ganhar uma réplica promocional da Adidas EUROPASS, a Bola Oficial da EURO 2008 ou uma viagem de ida e volta, com bilhete de entrada incluído, para um dos jogos de Portugal no torneio. Estão ainda previstas outras surpresas, que a Kia preparou em parceria com o Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol.

Redação Sport Marketing

Revezamento relâmpago em Jacarta e autorização japonesa para protestar

A passagem da Tocha Olímpica por Jacarta, capital da Indonésia, foi relâmpago. A etapa foi reduzida ao mínimo necessário, durando cerca de 1h20. O percurso foi realizado dentro do estádio Bung Karno, que ficou fechado para apenas 5.000 pessoas que receberam autorização de entrada. Cinco pessoas foram detidas durante um protesto contra o governo chinês pela repressão contra o Tibet, antes da passagem da Tocha pela cidade. Cem ativistas se concentraram na frente do estádio Bung Karno, onde o Revezamento seria realizado. Bandeiras e cartazes a favor do Tibet, foram confiscados pela polícia local. Entre os detidos, estava um cidadão holandês. Mais de 2.000 policiais foram mobilizados para manter os ativistas afastados. Quando a Tocha Olímpica passar por Nagano, no Japão, os defensores da causa tibetana serão autorizados a protestar. A única ressalva é que se evite qualquer tipo de violência. "Protestar não representa problemas", disse o chanceler japonês, Masahiko Komura das Relações Exteriores, antes de advertir que a polícia atuará em caso de distúrbios. A Chama Olímpica chega sexta-feira ao Japão e sábado percorrerá as ruas de Nagano, cidade que foi a sede dos Jogos Olímpicos de Inverno em 1998. Quase 2.000 policiais foram mobilizados para proteger o Revezamento da Tocha, de acordo com a imprensa. A Coca-Cola que havia planejado desfilar com um carro promocional da marca durante o Revezamento, cancelou os planos, assim como a Lenovo e a Samsung. Este foi o primeiro sinal de que a controvérsia que segue o evento da Tocha passou também a mobilizar os patrocinadores que começaram a ajustar as estratégias de marketing. A Coca-Cola do Japão disse que a companhia mudou de idéia por causa de "preocupações com a segurança" e salientou que a decisão não teve conexão política.

Redação Sport Marketing