19 de abr de 2008

A curva na carreira de Tiago Monteiro

Em Portugal, não se fala em outra coisa: os dois milhões de euros que o governo bancou para manter o piloto Tiago Monteiro na Fórmula 1. Sem patrocinadores suficientes para seguir nas temporadas de 2005 e 2006, o estado disponibilizou diretamente a quantia que faltava para que os empresários Santana Lopes e José Sócrates garatissem a presença do piloto na Jordan (que passou a se chamar Midland). Descoberto o vazamento desta alta verba, o atual governo responsabiliza o anterior pelas promessas feitas ao piloto de dar-lhe “apoio incondicional”. O pai e representante de Tiago Monteiro, Edmar Monteiro revelou que todos os documentos de garantia foram assinados livremente pelos atuais responsáveis.“Todas as garantias de apoio "incondicional" feitas à Jordan, em 2005, e à Midland, em 2006, foram apresentadas pelo atual Governo, pelo ministro da Presidência, Pedro Silva Pereira, e pelo secretário de Estado do Desporto, Laurentino Dias" - afirmou. A verdade é que a fofoca está correndo solta em Portugal e promete ainda esquentar e muito os motores que movem a máquina do governo luso.

Redação Sport Marketing

United renova com três

Os zagueiros Rio Ferdinand e Wes Brown e o meia Michael Carrick assinaram novos contratos com o Manchester United. O clube não deu detalhes sobre os acordos, mas acredita-se que Ferdinand, 29 anos, tenha renovado por cinco anos. Brown, de 28, e Carrick, de 26, também teriam assinado contratos de longo prazo. " O Manchester continua a política de renovar os contratos no tempo certo e mantém a continuidade do time principal, que nós testamos e trabalhamos duro. Não é fácil no mundo de hoje fazer o nosso melhor, mas nós fazemos" - disse em Old Trafford, o treinador do time, Alex Ferguson à imprensa interncioanl.

Redação Sport Marketing

Emanuel apadrinha projeto social

Emanuel Rego, campeão olímpico de vôlei de praia, patrocinado pela Cini Bebidas, é o padrinho do Projeto de Responsabilidade Social, da Prefeitura Municipal de Curitiba, através da Secretaria Municipal da Educação. O projeto vai possibilitar transmitir aos estudantes de Curitiba técnicas do vôlei. O projeto abrange 4 escolas, apoiado por Emanuel, vai proporcionar aos alunos conhecer a metodologia baseada em três pilares: o desejo de conhecer um esporte, a determinação em fazer do vôlei uma lição de vida e o domínio sobre a modalidade esportiva. “Sou um exemplo de quem aprendeu a jogar vôlei na escola. Participei de campeonatos colegiais e isso me motivou a ser o atleta que sou hoje. Com as aulas de vôlei mostraremos às crianças que a competitividade pode ser sadia” - enfatizou curitibano Emanuel, atleta que soma quase 30 título mundiais, eleito o melhor jogador do mundo, 6 vezes campeão do Circuito Banco do Brasil de Vôlei de Praia.

Redação Sport Marketing