5 de dez de 2008

Pedigree no Super Bowl

O Super Bowl terá um novo patrocinador. A marca de comidas de cachorro de Pedigree comprou espaço comercial e anunciará a culinária canina durante a transmissão do evento. "O spot terá 30 segundos e será exibido durante o jogo" - disse Jody Menaker, porta-voz para a marca. O Grupo Omnicom da TBWA/Chiat/Day, é, há anos, a agência responsável pela criação do anúncio e criará o comercial de TV. Os valores da venda do espaço comercial do Super Bowl não foram revelados pela NBC, emissora detentora dos direitos de transmissão do evento.Entre 1988 e 2007, por exemplo, Anheuser-Busch, PepsiCo, General Motors, Time Warner
e Walt Disney investiram, aproximadamente, US$659 milhões em publicidade no Super Bowl. De acordo com a TNS Media Intelligence "mais ou menos 62% do dinheiro de anúncios de televisão vem de apoiado de empresas que compram comerciais de tv." O Super Bowl recente incluiu 50 minutos e 50 segundos de tempo comercial, de acordo com a Nielsen Media Research - agência de pesquisa de mídia Nielsen. O evento apresentou 84 anúncios de 52 marcas diferentes. O Super Bowl permanece sendo a maior ferramenta de anúncio da mídia. Este ano a transmissão alcançou uma audiência média de 97.5 milhões das pessoas nos Estados Unidos, de acordo com Nielsen Media Research, um recorde. A NBC vendeu a maior parte dos pacotes de patrocínio. De acordo com a GE, a emissora americana que também é dententora dos direitos de transmissão dos Jogos Olímpicos para os Estados Unidos, tem menos que 10 spots comerciais para vender. Outros compradores de mídia sugerem que a queda econômica atual dificultou o desejo do marketeiros por um lugar de 30 segundos no grande jogo. A NBC cobra entre US$2.8 milhões e US$3 milhões por um spot de 30 segundos. (ler matérias arquivo Sport Marketing: NBC consegue venda recorde do Super Bowl; Sport Marketing: Indianápolis luta pelo Super Bowl em 2012).

Redação Sport Marketing