17 de nov de 2008

São Paulo e VISA oficializam acordo

O São Paulo formalizou o acordo com a Visa para a adequação de três setores do estádio do Morumbi de acordo com as normas dos encargos da FIFA. A companhia de cartões de crédito será responsável pela modernização da arquibancada superior vermelha, do setor Morumbi Premium do nível intermediário e das áreas vermelha e azul do anel térreo. Ao todo, a empresa comercializará cerca de 20 mil lugares. As cadeiras dos setores serão trocadas e a parte térrea receberá uma cobertura extra com uma estrutura metálica e policarbonato. A estimativa é de que as primeiras mudanças já sejam sentidas pelo torcedor na próxima edição do Paulistão, mas a obra completa nos três setores será encerrada em cerca de um ano. A principal mudança acontecerá na venda de ingressos, que será feita majoritariamente pela internet. O torcedor fará a aquisição virtual de um assento determinado e só precisará usar o próprio cartão de crédito para passar pela catraca, sem a necessidade de carregar um ingresso. Cada cartão poderá ter até cinco acentos cadastrados por jogo. Além da internet, os guichês do estádio também estarão integrados ao sistema para permitir a comercialização para quem não tem acesso à rede mundial de computadores. O capitão Rogério Ceni e o volante Hernanes, com trajes sociais, testaram o novo sistema de aquisição de bilhetes. A empresa de cartões de créditos, que também é patrocinadora FIFA e do IOC - International Olympic Committee - Comitê Olímpico Internacional (COI), já havia implantado projetos semelhantes de compra de ingressos nos estádios de Figueirense, Palmeiras, Santos, Botafogo e Portuguesa. “Isto é uma parceria, o estádio não esta sendo arrendado, ele continua pertencendo ao clube. A Visa é o meio de pagamento do ingresso e não tem percentagem sobre as compras. O valor do ingresso do setor é definido pelo clube, que fica com toda a renda” - explicou o diretor da empresa de cartões, Rubén Osta.

Redação Sport Marketing