19 de nov de 2008

GM cumpre promessa e corta verba do golfe

Conforme noticiou o Sport Marketing em matéria publicada em 26.10.2008, o contrato de patrocínio entre o golfista Tiger Woods e a GM estava em risco devido à intenção da fabricante de realizar cortes nos custos devido à crise financeira mundial (ler matéria arquivo Sport Marketing: Tiger Woods e GM sentam para negociar). Uma das primeiras ações foi encerrar o contrato de patrocínio no final deste ano com o golfista Tiger Woods. A GM e Woods, que se recupera de uma cirurgia de reconstrução do joelho, classificaram a decisão como "mútua e amigável". O patrocínio perdurava há nove anos. Tiger foi garoto-propaganda de produtos da GM em vários países, principalmente para a Buick, uma das empresas do conglomerado da General Motors."Eu estou muito orgulhoso de ter tido esta longa parceria com a GM e sei que participei do desenvolvimento dos produtos da companhia nos últimos anos"- disse Woods, num pronunciamento recebido pela imprensa. A montadora de Detroit, que investe significativamente no golfe, tem cortado os gastos com marketing em todos os locais de venda, cortes de gastos em esportes motorizados, e eliminando propagandas de televisão para o próximo ano durante as transmissões de eventos como as premiações do Oscar e dos Emmy awards, além da final do campeonato de futebol americano, o Super Bowl. Woods continuará a dirigir veículos Buick durante o ano de 2009. Nos últimos nove anos, Woods tem divulgado produtos da GM no mundo tudo, e tem sido bastante associado com a marca Buick nos mercados dos EUA, do Canadá e da China.

Redação Sport Marketing