25 de nov de 2008

Annika Sorenstam se aposenta

Aos 38 anos, a golfista sueca Annika Sorenstam decidiu colocar um ponto final na carreira profissional para se dedicar à família.Annika Sorenstam está de casamento marcado. A gosfista casa-se em janeiro com o desejo de tornar-se mãe o mais breve possível. A sueca, a melhor golfista do mundo por uma década, anunciou oficialmente a aposentadoria durante a realização do ADT Championship, na Flórida. Ela resolveu fazer o anúncio na cidade onde mora há 12 anos. Ela se retira aos 38 anos, com 10 títulos de Grand Slam e 72 do circuito LPGA. Annika Sorenstam é a mulher que mais ganhou dinheiro no golfe (quase 18 milhões de euros), isso sem contar as somas em endossos de marcas como Rolex. Depois de ter sido feliz nos campos, procura agora repetir o feito na vida pessoal. "O motivo da minha decisão é que tenho outras prioridades na minha vida. Mike e eu queremos começar uma família e eu estou muito orgulhosa disso. O golfe foi muito bom para mim e eu consegui mais do que podia desejar. Eu dei tudo de mim e foi uma época divertida” - explicou Sorenstam. Entre outros recordes, ela é a única mulher a jogar 59 num torneio oficial (Standard Register Ping de 2001, em Phoenix, quando fez 13 birdies e nenhum bogey e precisou de apenas 25 putts para completar o percurso de 6.459 jardas, onde errou apenas uma raia, acertou todos os greens e o maior putt para par foi de um metro de distância. Sorenstam é também uma das seis únicas mulheres que completaram o Grand Slam na carreira.Sorenstam foi a “Jogadora do Ano” do LPGA Tour oito vezes, incluindo cinco seguidas, série só quebrada por Lorena Ochoa, em 2006. Mas, com lesões no pescoço e nas costas, a sueca jogou mal e pouco em 2007, a única temporada em 13 anos em que ela não venceu ao menos um torneio. Hoje, além de construir campos de golfe, Sorenstam abriu uma academia no ano passado, perto de casa, em Orlando, e lançou a própria grife – Annika – e um site.

Redação Sport Marketing