2 de out de 2008

Williams mal das pernas

A Williams apresentou perdas no valor de US$ 88 milhões (cerca de R$ 168 mi) no acumulado das temporadas de 2006 e 2007. A seqüência de prejuízos não é novidade: em 2005, quando ainda era parceira da BMW, a equipe de Frank Williams e Patrick Head amargou um rombo de US$ 60 milhões na conta. O que contribui mais para a dívida, segundo a imprensa européia, é a série de empréstimos bancários. A Williams é a única equipe no grid que tem uma parceria forte – seja com uma montadora, um grande patrocinador ou um milionário. Depois de dominar boa parte dos anos 90, com cinco títulos de equipes e quatro de pilotos, a escudria teve apenas um lampejo de competitividade na década atual, entre 2001 e 2003. A última vitória foi no GP do Brasil de 2004, com o colombiano Juan Pablo Montoya.

Redação Sport Marketing