13 de out de 2008

Mercado: General Motors e Chrysler pensam em aliança

As diretorias da General Motors e Chrysler estão em fase avançada de negociação acerca de uma futura aliança - ou associação. De acordo com o jornal The New York Times, ambas estariam em conversas, com 50% de chances de uma parceria ser firmada em um futuro próximo. O motivo da aproximação seria a crise financeira mundial. Apontada como uma das informações mais bombásticas dos últimos anos no setor pela imprensa local, a união entre General Motors e Chrysler LLC chegaria em um tempo de vacas magras para ambas. A primeira sofre com constantes quedas na cotação da ações nas bolsas de valores. A segunda ainda é a que menos perde das três gigantes de Detroit, mas é a que vem tomando medidas mais drásticas - e menos eficazes. A crise afeta fortemente ambas as empresas. A Chrysler registrou perdas de US$ 400 milhões recentemente, enquanto a General Motors chega a perder US$ 1 bilhão por mês, apesar dos 21 bilhões de dólares em caixa. Tanto GM quanto Chrysler não se pronunciam sobre o assunto. Caso a aliança se concretize, as ações em marketing esportivo das duas empresas serão reavaliadas.

Redação Sport Marketing