22 de out de 2008

Eduardo Paes desconhece João Saldanha

"O Gabeira não sabe o que vai fazer com a cidade no dia seguinte que assumir. Não apresentou nenhuma proposta concreta. Ele comenta as minhas propostas, virou um comentarista, o "João Saldanha da política" - disse Eduardo Paes". (G1 O Portal de Notícias da Globo 20/10/08 ). O ex-secretário de Esporte do Estado do Rio de Janeiro parece não saber quem foi João. João Saldanha, em toda a vida, não foi apenas comentarista esportivo com atuação em rádio, jornal e televisão. Como diretor de futebol e técnico campeão do Botafogo em 1957, tornou-se o maior responsável pela montagem do time que está até hoje na memória de cariocas e brasileiros, do qual faziam parte Nilton Santos, Didi e Mané Garrincha. Em 1969, João resgatou a auto-estima do futebol brasileiro como técnico e comandante da seleção que viria a ser tricampeã no México. Escalou e definiu as "feras do Saldanha": Carlos Alberto, Brito, Piazza, Gerson, Jairzinho, Tostão e Pelé. Até ser demitido, por não aceitar interferências diretas da ditadura militar, através do então presidente Médici. Ao lado de outros grandes jornalistas esportivos, inovou com seu estilo coloquial a cultura da imprensa especializada. Ainda jovem atuou em São Paulo e Paraná defendendo e organizando operários em greve e camponeses ameaçados de expulsão de suas terras. João Saldanha acreditava que, em uma política de esporte e cidadania, o esporte social - o esporte cidadão, voltado ao atendimento das camadas mais pobres da população, praticado em escolas, clubes e bairros populares - e o esporte de alto-rendimento - o que busca perfomance e conquista de medalhas e campeonatos - não são excludentes, ao contrário, se complementam. Defendia que o poder público em um país como o Brasil tinha obrigação de investir a maior parte de seus recursos no Esporte Social. Esse era João Saldanha, personagem que Eduardo Paes parece desconhecer. Assinam: Elza Jobim Saldanha Milliet (irmã); Vera Saldanha, Sonia Saldanha e Ruth Saldanha(filhas) ; Raul Milliet Filho.(sobrinho) e Oscar Niemeyer (amigo).

Redação Sport Marketing