4 de ago de 2008

Nike, Starbucks e Rolex no meio das manifestações chinesas

A Praça da Paz, em Beijing, voltou a ser palco de momentos conturbados. Um pequeno grupo de manifestantes confrontou-se com a polícia junto à Praça Tiananmen. Os ativistas afirmavam que a alegria dos Jogos Olímpicos foi construída sobre o sofrimento do povo chinês. Duas dúzias de manifestantes enfrentaram a polícia no bairro histórico de Qianmen, ao sul de Tiananmen. Os manifestantes alegaram terem sido despejados das casa para darem espaço à reconstrução do bairro, que foi transformado numa faixa comercial com empresas internacionais como a Nike, Starbucks e Rolex. As manifestações no centro de Beijing são habitualmente travadas pela polícia. A imprensa local avisou que as pessoas que queiram organizar protestos durante os Jogos Olímpicos têm de preencher um formulário com informação detalhadas e pedir autorização à polícia chinesa cinco dias antes de se realizar a manifestação, havendo três locais afastados do centro da cidade onde podem ocorrer os manifestos.

Redação Sport Marketing - Beijing 2008