9 de ago de 2008

Família de técnico sofre atentado em Beijing

Um incidente trágico tirou a alegria do primeiro dia de competição dos Jogos Olímpicos de Beijing. Por volta das 12:20 locais, durante visita à Torre do Tambor, em Beijing, a apenas cinco quilômetros do Estádio Olímpico, o “Ninho de pássaro”e próxima à Cidade Proibida, sogro e sogra do técnico, Hugh McCutcheon (foto), da seleção de vôlei de quadra dos Estados Unidos foram vítimas de um ataque violento. Todd Bachman morreu e a esposa, Barbara, ficou gravemente ferida e corre perigo de morte, informou o site do comitê americano. Bachman era pai da esposa de McCutcheon, que fez parte da equipe olímpica americana de Atenas-2004, Elisabeth Bachman McCutcheon. O atentado foi realizado por um assaltante armado com uma faca, que, em seguida, cometeu suicídio, atirando-se do segundo andar da Torre do Tambor. A filha do casal, Elisabeth, estava com eles no momento do ataque. O agressor foi identificado como Tang Yongming, de 47 anos. O Comitê Olímpico Norte-Americano diz que a equipe está “tremendamente triste e chocada”. Em nota oficial, o IOC - International Olympic Committee - Comitê Olímpico Internacional (COI) lamentou profundamente o incidente trágico. "O COI gostaria de estender condolências sinceras para a família e para todos os membros da delegação dos EUA" - ressalta o informe o qual destaca que o COI proverá qualquer ajuda necessária à família do treinador e está em contato com o Comitê Olímpico Americano.

Redação Sport Marketing - Beijing 2008