8 de ago de 2008

Começa o maior espetáculo esportivo da Terra

Às oito horas da noite, oito minutos e oito segundos a China dará start ao maior e mais antigo espetáculo esportivo da Terra - os Jogos Olímpicos. Terá início a cerimônia de abertura mais cara da história olímpica, com a presença dos mais importantes chefes de Estado do planeta. A audiência global prevista para a festa é de 1 bilhão de pessoas. Nos Jogos de Beijing, a China investiu cerca de US$43 bilhões. Apenas na cerimônia de abertura e encerramento o investimento foi de 100 milhões. Atenas 2004 gastou duas vezes menos. O gigante da NBA Yao Ming será o porta bandeira do país anfitrião. Uma vitória na vida deste garoto de 2m29 de altura, que há poucos meses, havia sofrido uma contusão que quase o tirou do momento mais importante esporte do país onde nasceu. Yao Ming na cerimônia de abertura é um alívio para o povo chinês e uma honra para os patrocinadores do atleta, Reebok e Coca-Cola. O fato a se lamentar é que pela primeira vez o ideal olímpico de harmonia tenha sido rompido - as duas Coréias não irão desfilar juntas, como em Atenas 2004 e Sidney 2000. Aproximadamente 15 mil pessoas participarão das coreografias da festa que abre os Jogos. No país que invetou a pólvora serão utilizados 29 mil fogos de artifício. Depois que o cineasta Steven Spilberg desistiu de dar andamento a cerimônia, o encargo foi nas mãos do cineasta Zhang Yimou que ficou encarregado de condensar 5 mil anos de história chinesa em um só espetáculo que terá duração de aproximadamente três horas e meia.

Redação Sport Marketing - Beijing 2008