25 de jul de 2008

Mars retira comercial homofóbico do ar

A Mars, fabricante do chocolate Snickers, marca que está entre os fornecedores do BOCOG - Beijing Organizing Committee Olympic Games - Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Beijing retirou do ar um comercial considerado homofóbico por uma ONG LGBT norte-americana. No comercial, um velocista, que caminha de forma exagerada e que carrega fortes estereótipos gays, é ridicularizado por Mr. T, ator do extinto seriado “Esquadrão Classe A”, que aparece atirando barras do chocolate com um canhão e gritando para que ele se torne um “homem de verdade”. “Você é uma desgraça para a raça humana. É hora de te ensinar a correr como um homem de verdade” - diz Mr. T.A ONG Human Rights Campaign (HRC) criticou o comercial por utilizar “estereótipos gays”. Em nota à imprensa, a Mars disse que a proposta do comercial era "divertir" e que ele foi bem recebido no Reino Unido. “No entanto, sabemos que o humor é bastante subjetivo, e nunca foi nossa intenção fazer qualquer ofensa” - disse o comunicado da empresa. Esta não é a primeira vez que a Snikers cria propagandas consideradas homofóbicas. Outro comercial, em 2007, exibido durante a final do Super Bowl, foi alvo de críticas de grupos gays. No filme, dois homens quase se beijavam, numa brincadeira que lembrava a cena do espaguete do filme "A Dama e o Vagabundo".

Redação Sport Marketing