28 de jul de 2008

Adidas muda estratégia e sai da China

A empresa alemã de equipamentos esportivos Adidas, que acabou de inaugurar a maior loja do mundo em Beijing (ver matéria arquivo Sport Marketing - Adidas abre maior loja do mundo na China), vai transferir parte da produção da China para outros países mais competitivos. A medida deve-se ao fato de que a empresa considera muito elevado o atual nível dos salários no país asiático. "Os salários, que estão fixados pelo governo, são progressivamente muito elevados na China" - afirmou o presidente da Adidas, Herbert Hainer à revista "Wirtschaftswoche". Em função desse fato, foi aberta uma primeira fábrica na Índia e a produção passará a ser feita também por países como Laos, Camboja, Vietnã e outros da ex-URSS e da Europa Oriental.

Redação Sport Marketing