12 de jun de 2008

Mercado: Vivo também venderá iPhone Apple

Além da Claro, o novo iPhone, da Apple, estará disponível também nas lojas próprias e revendedores Vivo nos próximos meses, graças a um acordo fechado em conjunto com a Telefônica, uma das controladoras da empresa, e inclui outros 15 países, 11 deles na América Latina. A experiência da Telefônica na comercialização do iPhone teve início no Reino Unido, em dezembro e foi estendida para a Irlanda em março. Nesses mercados, verificou-se que a receita média mensal por usuário do iPhone chega a ser 30% superior à dos clientes com outros aparelhos. “O uso de serviços de dados e de valor agregado por parte dos clientes da Vivo é um dos mais representativos do mercado. Eles, cada vez mais, reconhecem que conexão móvel é uma importante ferramenta de produtividade, acesso a informação e entretenimento”, explica Roberto Lima, presidente da Vivo. De acordo com ele, o primeiro trimestre deste ano, "a receita de dados e SVA’s da Vivo foi 47% maior do que no mesmo período de 2007. “Temos verificado um consistente aumento da utilização de dados em nossa base; a introdução do iPhone será um estímulo adicional importante para o acesso a esses serviços".A iPhone também será comercializado pela Claro, do grupo Telemex, qua ainda não confirmou a data exata para início das vendas no Brasil.

Redação Sport Marketing