20 de jun de 2008

MasterCard faz pesquisa e afirma: mulheres lideram consumo na EURO

As mulheres estão desempenhando um papel chave na EURO 2008. De acordo com um estudo econômico realizado pelo cartão MasterCard, as mulheres são responsáveis por cerca de 140 milhões de euros gastos em torno do torneio. A pesquisa realizada pelo patrocinador oficial da UEFA EURO desde 1992, apontou que o impulso de consumo feminino é responsável por mais de 4 milhões de euros gastos em consumo por jogo da EURO 2008. A pesquisa consiste em gastos em artigos de futebol relacionados com o evento, comidas, bebidas, acomodações, transportes. O novo estudo sugere que as mulheres respondem por aproximadamente 10% do impacto econômico total do torneio, que segundo a pesquisa do MasterCard corresponde a pelo menos 1.4 bilhão de euros. Em alguns países, como Alemanha e Suécia, as mulheres respondem por mais de 30% do impacto econômico local em gastos com produtos relativos ao evento. A nova pesquisa destacou que o impacto econômico feminino é em parte devido ao fato da indústria do futebol ter acordando para o potencial feminino de consumo. Os jogadores de futebol se transformaram em ícones que, hoje em dia, proporcionam uma grande variedade de produtos agora cada vez mais acessíveis para as mulheres. Alemanha, Itália e França, por exemplo, lideram as vendas de produtos para mulheres como cartazes e revistas apresentando os jogadores e falando sobre vidas pessoais de cada um. Um estudo anterior realizado em 2004, apontou ingressos, alimentação, acomodação e transporte como os produtos mais consumidos relativos ao torneio. Entretanto, a recente pesquisa realizada pelo MasterCard adiciona na lista da UEFA EURO 2008 gastos significativos com produtos e atrações nas cidades anfitriãs. A presença feminina nas fans zones, por exemplo, corroboram os dados levantados pela pesquisa. Enquanto as torcedoras que foram assistir ao torneio gastam com réplicas de camisas, pinturas nos rostos, alimentação, bares, compras e hospedagem, as torcedoras que ficaram em casa, assistem os jogos pela tv, contribuindo para o aumento dos índices de audiência, compram jornais e revistas para acompanhar as notícias do evento.

Redação Sport Marketing