16 de jun de 2008

FIFA não leva adiante queixa do Manchester United

A Federação Internacional de Futebol (FIFA) decidiu não dar seguimento à queixa apresentada pelo Manchester United contra o assédio efetuado pelo Real Madrid a Cristiano Ronaldo.
"Confirmamos que recebemos uma queixa formal do clube inglês contra o Real, devido à possível intenção da formação espanhola em contratar o jogador português Cristiano Ronaldo. Segundo os documentos apresentados, não existe quebra alguma de contrato provocada pelo clube espanhol. Desta forma, consideramos não existir matéria para avançar com o processo" - indicou a FIFA em comunicado. Ainda assim, o documento a FIFA alerta a Federação Espanhola e o Real Madrid para as consequências previstas caso, no futuro, venha de fato a comprovar-se um comportamento incorreto por parte do clube merengue.

Redação Sport Marketing