27 de jun de 2008

Dívida do Santos cresce 164%

O mar financeiro não tá para o Peixe. Um estudo realizado por um especialista aponta que de 2006 a 2007, a dívida líquida do Santos cresceu 164%, passando de R$ 42,4 milhões para R$112,1 milhões. Durante a administração de Marcelo Teixeira: respeitados índices de correção e a inflação do período 2002-2008, o faturamento do clube aumentou apenas 0,2% e o endividamento mais do que duplicou. Foram fechados contratos publicitários com valores inferiores aos de 2001. O patrimônio líquido beira o negativo.

Redação Sport Marketing