13 de jun de 2008

COI fecha quadriênio olímpico com receita recorde

O International Olympic Committee - Comitê Olímpico Internacional (COI) deve obter receita recorde no quadriênio olímpico que se encerra efetivamente com os Jogos Olímpicos de Beijing. De 2005 a 2008, o COI anunciou receitas em direitos de tv de US$ 2,5 bilhões, em patrocínio internacional - TOP Program o COI faturou US$ 866 milhões e em patrocínio local dos Jogos de Beijing US$ 1 bilhão. Ainda não foram divulgados dados referentes às vendas de ingressos e licenciamentos. O livro Ouro Olímpico, a história do marketing dos aros (selo COB Cultural - editora Casa da Palavra) faz uma análise histórica das receitas obtidas pelo COI em todas as edições dos Jogos Olímpicos, destacando o programa de marketing TOP, responsável pelo sucesso e manutenção do Movimento Olímpico após os Jogos de Los Angeles 84. Para o próximo quadriênio, que engloba os Jogos Olímpicos de Inverno (Vancouver 2010), Jogos Olímpicos de Verão (Londres 2012), estima-se que os valores de receita dos direitos de transmissão seja de mais de 3,3 bilhões de dólares. Os acordos de patrocínio local e o programa de patrocinadores internacionais já estão em negociação.

Redação Sport Marketing