29 de abr. de 2008

Carrefour acusado de marketing de emboscada

De acordo com o jornal Beijing Times, o Carrefour China tentou realizar uma ação de marketing de emboscada e já foi repreendido. A rede de supermercados distribuiu bonés com o logo dos Jogos e camisetas para serem usadas pelos funcionários Carrefour, porém, foi advertida pelo BOCOG - Comitê Organizador dos Jogos - uma vez que a empresa francesa não é patrocinadora dos Jogos. O ato é uma violação das regras de direitos autorais e de proteção da marca do evento, que garantem às empresas ligadas ao evento utilizarem, com exclusividade, as logomarcas e demais direitos referentes aos Jogos. A ação de marketing de emboscada coloca a imagem do Carrefour na China, em uma situação ainda mais delicada, uma vez que a marca vem sofrendo fortes retaliações desde os protestos pro-Tibet no Revezamento da Tocha Olímpica na França (ver arquivo Sport Marketing).

Redação Sport Marketing