10 de abr. de 2008

Atlético Paranaense nas ondas do rádio - só pagando!

R$ 15 mil por jogo. Este é o preço que o Atlético Paranaense pretende cobrar das emissoras de rádio que quiserem transmitir os jogos do time no Campeonato Brasileiro. O preço é único e vale para os jogos realizados em Curitiba quanto aqueles fora da capital paranaense. O comunicado foi publicado no site do clube. Os interessados terão à disposição um pacote com todos os 38 jogos ao preço de R$ 456 mil. De acordo com o clube, somente a transmissão integral dos jogos está sujeita às novas regras, continuando abertos os "flashes do evento", tudo em respeito aodireito de acesso à informação e liberdade de imprensa. Luciana Pombo, a Lei Pelé garante o direito de imagem, no artigo 42. "O Atlético entende que a marca é imagem. O debate sobre a regulamentação das rádios, diferentemente do que aconteceu com as televisões, não vinha acontecendo. Nós entendemos, no entanto, que não há retorno"- afirmou a diretora de Comunicação do Atlético. O presidente da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), Daniel Pimentel Slaviero, considerou a decisão "esdrúxula, absurda e ilegal" e contestou o entendimento que o clube deu à Lei Pelé. "Ela trata só de direito de imagem e a transmissão radiofônica não está nisso" - esclareceu.

Redação Sport Marketing