30 de mar. de 2008

Chama Olímpica em mãos chinesas

A Tocha Olímpica foi finalmente entregue a Liu Qi, membro do BOCOG - Comitê Organizador dos Jogos de Beijing, durante cerimônia realizada no Estádio Panatinakos de Atenas. Pouco antes, cerca de dez pessoas tentaram exibir uma bandeira na entrada do Estádio, sem sucesso. O grupo de manifestantes foi imediatamente detido pela polícia enquanto gritavam "Libertem o Tibet". Mais de dois mil policiais participaram da operação na capital grega, em um esquema de segurança comparável ao utilizado durante os Jogos de Atenas, em 2004. Milhares de pessoas assistiram ao ato de entrega da Tocha no local no Estádio Panathinaiko (Panatenáico), também chamado Kallimarmaron (em grego: beleza em mármore). É um estádio de atletismo situado em Atenas, construído inteiramente em mármore branco do Monte Pentélico. Foi construído em 1885 para a realização dos primeiros Jogos Olímpicos da Era Moderna em Atenas 1896, sobre os planos dos arquitetos Anastasios Metaxas e Ernst Ziller e financiado por George Averoff. Na época da construção, as medidas dos estádios de atletismo ainda não eram definidas e, por isso, o Panathinaiko teve um modelo diferente dos estádios atuais, com a pista em forma de U, aos moldes do estádio olímpico de Olympia e com capacidade para 80.000 espectadores. O Estádio está localizado no centro de Atenas, a leste dos Jardins Nacionais e da Mansão Zappeion, a oeste do distrito residencial Pankrati e junto à colina de Ardettos. Situa-se no local exato onde se encontrava o estádio da Atenas antiga, onde celebraram-se as competições atléticas dos antigos Jogos Panatenáicos. Em 2004, os Jogos Olímpicos voltaram a ser sediados na cidade de Atenas e o Estádio Panathinaiko hospedou as competições de tiro com arco e a chegada da maratona masculina e feminina.

Redação Sport Marketing