6 de mar. de 2008

Pelé é só alegria!

Nada como um dia atrás do outro. Após vários mal-entendidos e divergências com a presidência da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Pelé foi convidado para ser o garoto-propaganda da Copa do Mundo de 2014. Quem sai ganhando é o Brasil. Pelé fará parte do Comitê Organizador da competição, mas a CBF só deverá fazer o anúncio oficial após o nome do maior jogador de futebol de todos os tempos ser aprovado pela Fifa. O “acerto” entre Pelé e a CBF acaba com o mal-entendido gerado pela ausência do ex-santista na cerimônia em que o Brasil foi anunciado como país sede da Copa de 2014, em outubro do ano passado. Porém, segundo Ricardo Teixeira, presidente da entidade, o envolvimento de Pelé no evento sempre esteve em seus planos. “Desde o início que eu estava certo da participação do Pelé. Não teria sentido a realização de uma Copa do Mundo no Brasil sem a presença dele”, afirmou Teixeira. Entre as funções de Pelé no novo 'cargo', estarão as visitas aos outros 31 países que participarão da competição. O dia de Pelé teve mais um momento de glória. O arquiteto Oscar Niemeyer desenhou o esboço de um monumento em homenagem ao ex-jogador Pelé. A escultura ficará em Santos, no mesmo local onde será construído o Museu Pelé - a obra deve ficar pronta em dois anos. Ao lado do governador de São Paulo, José Serra, e do prefeito de Santos, João Paulo Tavares Papa, Pelé visitou Niemeyer e saiu de lá com o esboço do monumento. "É um trabalho como outro qualquer que eu fiz. Uma coisa simples, mas acredito que ficará bonito", disse o arquiteto, que completou recentemente 100 anos de idade."Liguei a figura dele com o esporte, a bola de futebol. Tem uma bola muito grande, com dez metros de diâmetro e uma rampa subindo o monumento. Na porta, ele (Pelé) convidando a turma para entrar", contou Niemeyer.

Redação Sport Marketing