14 de mar. de 2008

Fornecedora da Seleção é acusada de marketing irregular

Por causa de uma "estratégia de marketing" um tanto quanto heterodoxa, a marca de materiais esportivos norte-americana Nike ficou com a imagem arranhada esta semana. Uma denúncia publicada no "Futepoca" (www.futepoca.com.br) em fevereiro acusou a fornecedora de uniformes da seleção brasileira de tentar manipular o conteúdo de blogs de acordo com os próprios interesses em troca de futuras vantagens comerciais. Um e-mail distribuído pela agência Riot em nome da Nike aos donos de blogs diz: "Caso vocês aceitem escrever sobre o Ronaldo e o resultado no blog, comentários e etc., for positivo, em uma outra oportunidade podemos – quem sabe? – firmar alguma espécie de parceria, ok?". A Riot é especializada em campanhas de marketing viral (propaganda boca-a-boca em redes sociais) na internet. Com a repercussão negativa da exposição pública do e-mail, a Nike teve que assumir a culpa pelo episódio em um comunicado oficial. A empresa também anunciou que o funcionário responsável pelo texto enviado aos blogs - que não foi identificado - acabou demitido.

Redação Sport Marketing