7 de mar. de 2008

Danone e Adidas trazem Zidane ao Brasil

A Danone e Adidas trazem Zinedine Zidane pela primeira vez ao Brasil. O ex-jogador francês vai disputar um jogo de futsal beneficente, no dia 16 de março, na cidade de São Paulo. O carrasco do escrete canarinho na final do Mundial de 1998 disputado na França, irá jogar ao lado de outros ex-craques. Já estão confirmadas as presenças de Aldair, Müller, Manoel Tobias (futsal), Márcio Santos, Paulo Sérgio, Mauro Silva, Ronaldão e Silas. Ao longo da sua carreira, Zidane foi eleito pela FIFA como o melhor jogador do mundo em três ocasiões (1998, 2000 e 2003). O dia será cheio para o ex-jogador. De manhã, ele dará brilho à festa de inauguração da reforma de uma quadra de futebol de salão em Heliópolis. De lá, Zidane irá direto para o Clube Paineiras, onde dará uma entrevista coletiva antes do amistoso. Os torcedores que quiserem assistir à partida beneficente poderão adquirir os ingressos a partir deste sábado, na loja da Adidas da Rua Oscar Freire, 1057, na região dos Jardins, das 10h às 20h. É só levar dois quilos de alimento não perecível (exceto sal). O que for arrecadado será doado para a comunidade de Heliópolis. No domingo, dia 16, a partir das 12h, esse ingresso deverá ser trocado por uma camiseta exclusiva, que valerá como entrada para o jogo. Os ingressos são limitados e cada pessoa poderá trocar alimentos por no máximo dois ingressos. Zidane faz parte do Conselho de Administração do fundo de investimento solidário da Danone, que trabalhará para o financiamento de produtos industriais em países pobres através de microcréditos. O craque francês é embaixador da empresa há dois anos em programas para a construção de orfanatos, melhora da educação na nutrição e aumento nos atendimentos médicos para as crianças nos países mais desfavorecidos do planeta. No próximo dia 30 de março será constituído o Conselho de Administração, no qual Zidane terá a companhia da ex-ministra de Assuntos Indígenas do México, Xóchitl Gálvez. Em 2007, a Danone, em associação com o especialista em microcréditos e vencedor do Nobel da Paz Mohammed Yunus, criou uma fábrica em Bangladesh para produzir três mil toneladas de iogurtes por ano. Zidane também uniu seu nome a outras iniciativas de caráter filantrópico.

Redação Sport Marketing