16 de fev. de 2008

Vasco e a Reebok trazem novidades

Na partida deste domingo, às 16h, contra o Flamengo, no Maracanã, o atacante Morais entra em campo com uma camisa número “98”, alusiva ao ano em que o Gigante da Colina venceu a Libertadores da América. O craque Edmundo estréia com a camisa 10. “Não poderíamos deixar passar em branco uma data tão importante para o Vasco. E colocar isso em uma camisa de jogo foi o melhor jeito que encontramos de comemorar os dez anos da conquista e, ao mesmo tempo, homenagear o clube”, explica Tullio Formicola Filho, diretor de marketing e vendas da Reebok, em depoimento no site oficial do clube. A camisa comemorativa leva o número “98” nas costas e um patch no peito que segue o modelo utilizado pela Conmebol, com a frase “Dez anos da reconquista da América – Vasco 2008”. A volta de Edmundo é marcada pelo lançamento da camisa 10 com o nome do craque, especialmente produzida para venda. Durante todo o ano, o número 10 será exclusivo do ídolo de São Januário – vale lembrar que, em campo, as camisas dos jogadores não possuem os nomes dos atletas. O modelo que será usado por Morais estará à venda em edição limitada. São apenas duas mil unidades da camisa número 1 (branca). Já a de Edmundo terá 2.500 unidades disponíveis, divididas entre as camisas de jogo 1, branca, e 2, preta. Todas as peças são confeccionadas em tecido 100% poliéster exclusivo da Reebok, que conta com a tecnologia Play Dry, facilitando a evaporação, tratamento bacteriostático, que combate a proliferação de fungos e bactérias. Com preço sugerido de R$139,90, as camisas estarão à venda no final de fevereiro.