25 de fev. de 2008

Reebok aposta na imagem do gigante Yao Ming

A Reebok tem planos importantes para o jogador de basquete chinês Yao Ming. A empresa pretende lançar dois novos modelos com a marca do atleta, antes dos Jogos Olimpícos de 2008. O público alvo são os chineses, por isso, a coleção terá venda limitada nos Estados Unidos, onde Reebok alinhará as vendas com NBA.com e a ReebokYao.com. O modelo Elite de Dragão ATR II (US$80) e o Hexride Yao Ming Olímpico, os quais Yao que fatura US$26.3 milhões ano, ajudou a projetar, são adornados com dragões e com um número autenticando edição limitada. A Reebok colocará à venda 208 pares dos tênis Ming Olímpico nos Estados Unidos e 2008 pares na China. Segundo o livro Ouro Olímpico - a história do marketing dos aros, o gigante de 2,26m, carregou a bandeira da China no desfile de abertura dos Jogos de Atenas 2004 e, desde que entrou para o Houston Rockets, é apontado como um sucesso nas quadras e no marketing. A obra também dstaca que em torno do do atleta criou-se a Yao-Mania e Ming foi apontado pela revista Forbes como o atleta mais "comerciável" da China. Yao já foi até tema de documentário (The Year of Yao) sobre a carreira dele na Liga Norte-Americana de basquete Profissional. Foi também tema do livro Operation Yao Ming (Operação Yao Ming), escrito pelo jornalista da Newsweek Brook Larmer. Toda essa articulação de marketing da Reebock caiu por terra três dias depois que postamos essa matéria, quando o gigante astro do basquete, 27 anos, sofreu uma lesão no tornozelo esquerdo, perigando ficar fora da temporada da NBA e também dos Jogos Olímpicos de Beiing. A notícia foi uma bomba para a Reebok, patrocinadora do jogador e que apostou muitas fichas em Yao. Veja mais detalhes na matéria que escrevemos no do dia 27/02, à sua disposição no nosso arquivo.

Redação Sport Marketing